Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://tecnologia.uol.com.br/album/2012/10/03/todos-contra-a-apple-concorrentes-lancam-propagandas-provocando-a-empresa-da-maca-veja.htm
  • totalImagens: 30
  • fotoInicial: 23
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20121003112605
    • Apple [13474];
Fotos

Com frequência, a Apple e seus produtos recebem provocações de seus concorrentes. As "cutucadas" das outras empresas chegam em formato de vídeos, fotos, frases na web (inclusive Twitter) e nas palavras dos executivos das companhias. Os principais assuntos costumam ser os problemas dos produtos da Apple e a comparação entre os dispositivos feitos pelas companhias. Veja a seguir algumas provocações feitas por concorrentes da Apple nos últimos anos Kimberly White/Reuters Mais

Amazon (2010). No comercial, a Amazon compara o iPad, da Apple, e o leitor eletrônico Kindle, da Amazon, dizendo que seu gadget é melhor. O argumento é que o dispositivo fabricado pela Amazon para leitura não reflete a luz do sol. Além disso, o valor gasto em vários dispositivos da Amazon seria inferior ao preço de apenas um iPad Reprodução Mais

Samsung (2010). No lançamento do iPhone 4, houve uma série de críticas à Apple, pois dependendo de como o aparelho era segurado, as barras de sinal da operadora sumiam. Aproveitando esse fato, a Samsung lançou a propaganda acima, em que a palavra "Hello" (olá) foi escrita com o sinal cheio de conexão com a operadora Reprodução/The Verge Mais

Nokia (2010). Em um post em seu blog oficial, a empresa finlandesa sugere que os usuários de seus produtos segurem os smartphones da marca como quiserem. Trata-se de uma referência ao problema de interferência no sinal que foi identificado no iPhone 4, dependendo da forma com que o aparelho era segurado Reprodução Mais

Microsoft (2011). Na peça publicitária, a empresa fundada por Bill Gates sugere que os notebooks com Windows são mais baratos do que os Macbooks. Com a diferença, diz o anúncio, ainda daria para tirar férias Reprodução Mais

Motorola (2011). Na propaganda, a fabricante insinua que a Apple esteja ultrapassada e sugere o tablet fabricado por eles, o Xoom Reprodução Mais

T-Mobile (2011). A operadora norte-americana compara os recursos do iPhone 4S, da Apple, e do Amaze 4G, da HTC, sugerindo que a câmera do aparelho da HTC é melhor. Os iPhones só começaram a ser vendidos na T-Mobile em 2013 Reprodução Mais

LG (2012). A empresa sul-coreana divulgou a publicidade acima com a frase "Nós fazemos celulares, não guerra". A expressão provavelmente faz referência à briga de patentes em que a Samsung e a Apple estão envolvidas Reprodução Mais

Nokia (2012). Nesse anúncio, a empresa finlandesa sugere que os usuários da Apple utilizem o sistema de mapa da Nokia, pois o Apple Maps, do sistema operacional da Apple, vem apresentando muitos problemas Reprodução Mais

iGO (2012). Menos conhecida que as demais "provocadoras", a empresa de serviço de mapas aproveitou as falhas do Apple Maps e lançou esse anúncio (à esquerda) satirizando um erro do app da Apple (à direita) Reprodução Mais

Motorola (2012). A fabricante também satirizou os erros do Apple Maps usando o termo iLost ("lost" é perdido em inglês). A alternativa da Motorola traria o mundo "real" para a palma da mão do usuário Reprodução Mais

Samsung (2012). Conhecida rival da Apple, a Samsung divulgou essa imagem que compara os recursos do Galaxy S III e do iPhone 5 com a frase "Não é preciso ser um gênio" Reprodução Mais

Microsoft (2012). A tradicional concorrente da Apple compara os recursos dos serviços de armazenagem em nuvem Skydrive, da Microsoft, com o iCloud, da Apple. A frase diz: "O iCloud pode não ser suficiente. Tente o Skydrive" Reprodução Mais

Samsung (2013). Nessa provocação, os funcionários da Samsung estão criando um novo comercial para o intervalo do Super Bowl (final do campeonato de futebol americano nos Estados Unidos). No entanto, eles não podem usar (e nem dizer) o nome do evento e dos times que vão jogar a final, pois os nomes seriam protegidos por direitos autorais. A peça é uma crítica ao processo de patentes que a Samsung perdeu para a Apple no ano passado Reprodução Mais

Nokia (2013). A empresa finlandesa divulgou esse vídeo em que um usuário procura por um smartphone com mais cores na loja da Apple e não encontra, em referência aos smartphones Nokia Lumia, que são coloridos Reprodução Mais

Samsung (2013). Após o lançamento do Galaxy Note 3 em 2013, a marca sul-coreana começou a veicular uma propaganda comercial ironizando o tamanho e a qualidade da tela do iPhone 5S. "Você não vai querer ver um lance desses do LeBron em uma tela que nem é FullHD?", diz a propaganda Reprodução/YouTube Mais

Nokia (2013). No lançamento do iPhone 5c em 2013, o perfil oficial da Nokia do Reino Unido postou a mensagem acima. "Imitação é a melhor forma de homenagem", em tradução livre. Na época, a Apple começou a vender aparelhos com cores diferentes. Algo que a Nokia já havia feito com sua linha de dispositivos Lumia Reprodução/Twitter Mais

Samsung (2014). Em uma série de vídeos no YouTube, a fabricante faz várias críticas à Apple. Nessa da imagem acima, duas pessoas vestidas como funcionários da Apple Store (loja oficial da marca) ironizam a qualidade da transmissão pela internet do evento de lançamento dos iPhone 6 e iPhone Plus. "Como vocês não conseguem lidar com isso? vocês trabalham com tecnologia", provoca. Durante o streaming, houve várias interrupções da transmissão. O vídeo, em inglês, pode ser encontrado na plataforma de vídeos sob o título "It Doesn't Take a Genius - The Live Stream #NoteTheDifference" Reprodução/YouTube Mais

Samsung (2014). No perfil oficial da Samsung das Filipinas no Twitter, a marca ironizou uma frase dita por Steve Jobs. "Ninguém vai comprar um telefone grande. Adivinhe quem se surprendeu e mudou de opinião", diz a postagem. A frase sobre telefones grandes foi dita por Jobs ao defender o tamanho dos telefones da marca. O iPhone 6 tem tela de 4,7 polegadas e o iPhone 6 Plus conta com um display de 5,5 polegadas Reprodução/Twitter Mais

Sony (2014). No Twitter, a empresa japonesa ironizou o slogan da propaganda dos iPhones 6 e 6 Plus. O lema da Apple para os novos telefones é "Bigger than bigger" (muito mais que grande). Já a Sony defendeu sua linha de smartphones postando que os dispositivos deles são "Better than bigger" (melhores que os maiores, em tradução livre) Reprodução/Twitter Mais

HTC (2014). A fabricante taiwanesa HTC foi mais sutil em sua provocação. Em seu Twitter oficial, postou: "Tela maior. Desempenho melhor. Design elegante. Bem-vindo à festa #iPhone6" Reprodução/Twitter Mais

Nokia (2014). No dia do lançamento do iPhone 6, a fabricante publicou em seu canal no YouTube um vídeo comercial em que a Cortana, assistente pessoal do Windows Phone, conversa com a Siri, assistente pessoal do sistema iOS, da Apple. Durante a conversa, a Cortana faz várias perguntas à Siri, que não consegue respondê-las. No fim, a assistente da Apple diz que ela só consegue se lembrar do tempo em que era o único telefone que podia falar Reprodução/YouTube Mais

Samsung (2014). No Twitter, a fabricante sul-coreana tirou sarro do fato de alguns iPhones 6 Plus ficarem tortos ao deixá-los no bolso. O perfil da companhia postou: "Curvado, não torto" e uma foto do smartphone Galaxy Note Edge, que tem o lado direito curvado Reprodução/Twitter Mais

LG (2014). No Twitter, a empresa ironizou o fato de alguns iPhones 6 Plus ficarem tortos ao deixá-los no bolso. O perfil da companhia postou: "Nosso telefone não fica torto. Ele pode ser dobrado...de propósito". Na publicação, a LG se refere ao smartphone LG G Flex Reprodução/Twitter Mais

HTC (2014). No Twitter, a companhia asiática ironizou o fato de alguns iPhones 6 Plus ficarem tortos ao deixá-los no bolso. O perfil postou: "Feito para aguentar os mais diversos ambientes, como seus bolsos". Na publicação, a empresa se refere ao smartphone HTC One M8 Reprodução/Twitter Mais

Nokia (2014). No Twitter, a companhia ironizou o fato de alguns iPhones 6 Plus ficarem tortos ao deixá-los no bolso. O perfil postou: "Nem por bem nem por mal". A frase é uma resposta para a pergunta "vai entortar?" presente na imagem. Reprodução/Twitter Mais

KitKat (2014). Até a marca de chocolate brincou com o fato de alguns iPhones 6 Plus ficarem tortos ao deixá-los no bolso. O perfil postou: "Nós não entortamos. Nós partimos [o chocolate]" Reprodução/Twitter Mais

Apple provoca (2009). Já que tradicionalmente todos provocam a Apple, de vez em quando ela responde. Nessa série de comerciais, a Apple sugere que os usuários do Windows querem mudar para o Mac, mesmo com o lançamento do Windows 7 Reprodução Mais

Apple provoca (2009). Já que tradicionalmente todos provocam a Apple, de vez em quando ela responde. Nessa série de comerciais, a Apple sugere que os usuários do Windows querem mudar para o Mac, mesmo com o lançamento do Windows 7 Reprodução Mais

Apple provoca (2009). Já que tradicionalmente todos provocam a Apple, de vez em quando ela responde. Nessa série de comerciais, a Apple sugere que os usuários do Windows querem mudar para o Mac, mesmo com o lançamento do Windows 7 Reprodução Mais

Todos contra a Apple: veja propagandas em que concorrentes provocam a empresa da maçã

Últimos álbuns de Tecnologia

UOL Cursos Online

Todos os cursos