WhatsApp

Todos querem ser Snapchat: Facebook e WhatsApp testam recurso cópia do app

Do UOL, em São Paulo

  • Arte UOL

Se você acompanha as notícias de tecnologia, sabe que o Facebook tem um rival declarado, e ele se chama Snapchat.

Em 2013, Mark Zuckerberg ofereceu US$ 3 bilhões para adquirir o app do fantasminha, mas seus donos recusaram a oferta. Isso deve ter mexido com o todo poderoso do Facebook, pois, como você verá abaixo, a empresa --que também é dona do Instagram e do WhatsApp-- frequentemente anuncia recursos novos copiados do concorrente.

Depois de incorporar a função "Stories" ao Instagram, com a mesma "pegada" de vídeos efêmeros, lançou de forma limitada na Irlanda o Facebook Stories, mini-Snapchat dentro da interface do aplicativo do Facebook.

Reprodução
Recurso Status do WhatsApp, em testes no iOS e Android

Reprodução/Tech2
Primeiras exibições do WhatsApp Status, em fase de testes

Agora a versão beta do WhatsApp para Android e iOS surge com a função "Status", onde você poderá compartilhar com seus contatos fotos e vídeos que desaparecem depois de 24 horas. As postagens mostrarão, como no Snapchat e no Stories do Instagram, quantas pessoas viram o conteúdo.

As novidades ainda não estão disponíveis para a maioria dos usuários, nem formam divulgadas oficialmente pela empresa.

Lançado em setembro de 2011, o Snapchat se tornou uma sensação por conta de seu formato inovador de troca de mensagens: com ele é possível enviar fotos e vídeos de forma rápida e com vida curta -- as mensagens se autodestroem em 24 horas ou após sua visualização.

Outras empresas como o Twitter, Tinder e Microsoft também promoveram seus contra-ataques estratégicos ao "Snap", embora sem o mesmo poder de fogo do Facebook.

Veja um breve histórico da "guerra dos apps"

Divulgação
Divulgação

4° round: Tinder autodestrói fotos

O app de paquera introduziu o recurso "Momentos". Cada vez que se desse o match, seria possível enviar imagens a serem automaticamente deletadas do celular de quem as recebeu. A exclusão ocorria após 24 horas. O recurso não agradou e sumiu do app em 2015.
Reprodução
Reprodução

14° round: Câmera com filtros

O Facebook também anunciou a Messenger Camera, uma atualização para a câmera do seu app de conversas, o Messenger. Com ele, usuários tiram fotos e as decoram com filtros, textos, desenhos, stickers e máscaras 3D, de maneira muito semelhante ao Snapchat. Além disso, é possível aplicar filtros ao rosto durante uma ligações em vídeo. O recurso está aparecendo aos poucos --por ora, só vimos no app para iPhones e em alguns aparelhos Android.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos