Sony aposta em desenvolvimento de robôs "capazes de conquistar o coração"

  • John Thys/ AFP

    Garoto conversa com o robô Pepper no hospital CHR Citadel, em Liège, Bélgica

    Garoto conversa com o robô Pepper no hospital CHR Citadel, em Liège, Bélgica

A companhia tecnológica japonesa Sony anunciou nesta quarta-feira (30) que está trabalhando no desenvolvimento de um robô doméstico "capaz de conquistar o coração das pessoas" e que deverá ser comercializado em breve, dentro de sua nova estratégia empresarial.

Assim, a Sony voltará ao mercado de autômatos com inteligência artificial e destinados ao lar, um campo no qual foi pioneira com a comercialização do cachorro-robô AIBO em 1999, e cuja fabricação foi interrompida em 2006.

"Queremos produzir robôs que sejam capazes de receber o carinho das pessoas e de conquistar seu coração", afirmou hoje o presidente da empresa, Kazuo Hirai, durante uma entrevista coletiva na qual apresentou a estratégia da companhia para 2017.

O objetivo é "introduzir um novo modelo de negócios que ofereça novas experiências para os usuários" e, para isso, a Sony combinará as forças de suas áreas de tecnologia audiovisual e de entretenimento doméstico com os últimos avanços em robótica e inteligência artificial, acrescentou Hirai.

Nesse contexto, a Sony adquiriu no mês passado parte da empresa americana Cogitai, especializada no desenvolvimento de programas de aprendizagem e de prognóstico de eventos para sistemas de inteligência artificial (IA).

O presidente da companhia afirmou que, por enquanto, não fixou uma data de lançamento para o novo robô doméstico, com o qual a Sony seguiria os passos de outras empresas japonesas como a Softbank, que lançou ao mercado o androide Pepper em junho de 2015.

Além disso, Hirai indicou que a Sony prevê continuar crescendo graças ao bom rendimento de suas áreas de entretenimento e de eletrônica, e estabeleceu como meta situar seu lucro operacional acima dos 500 bilhões de ienes (US$ 4,883 bilhões) para o próximo ano.

A área de videogames e de serviços online é "o principal motor de crescimento no médio prazo" dentro do plano corporativo da empresa, graças às vendas do console doméstico PlayStation4, que já acumula 40 milhões de unidades comercializadas no mundo todo, e de seus títulos.

A Sony pretende dar novo impulso a seu console de última geração com o lançamento do novo sistema de realidade virtual para esta plataforma, previsto para outubro de 2016.

"A realidade virtual é uma área com um grande potencial para os videogames, mas também para outros setores de negócios", destacou a Sony no comunicado de seu plano empresarial.

Você vai ficar impressionado (e com medo) desse novo robô

  •  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos