Dicas de Tecnologia

Nove aplicativos gratuitos (ou baratinhos) que valem a pena ter para viajar

Lucas Peterson

  • Harry Campb­ell/The New York Times­

Depois de passar uma semana baixando e experimentando vários aplicativos de viagem e navegação, cheguei a uma triste conclusão: a maioria não vale nada. São sofríveis, cheios de tralhas e de bugs, dando a impressão de terem sido feitos às pressas só para serem lançados no mercado. Há alguns, porém, que oferecem soluções elegantes para algumas das dificuldades mais comuns enfrentadas pelo viajante, fazendo o que um bom software deveria fazer: facilitar a vida. Aqui vão seis opções gratuitas que valem uma espiada e três, o dinheiro investido.

Gratuitos

Hotspot Shield VPN: Uma rede privada virtual, ou VPN, pode ser usada para reforçar a segurança online, além de acessar recursos que, de outra forma, lhe seriam inatingíveis. Descobri que ela é particularmente útil quando estou em países que bloqueiam certos sites. Na Bulgária, por exemplo, não há acesso ao StubHub, de revenda de passagens, nem à página da Southwest Airlines. Por quê? Não tenho nem ideia, mas eu tinha uma reserva pela empresa e precisava mudar. Através da VPN, pude passar pelo bloqueio me conectando com um servidor de um país sem tais restrições.

Não é 100% confiável e tem propaganda – o serviço é melhor, com tempo de carregamento menor, se você pagar. (A Hotspot Shield VPN tem uma opção "Elite", com servidores mais velozes e sem anúncios, mas custa US$29,99/ano.)

Reprodução

Memrise: Você vai estar fluente em francês antes da viagem que fará a Paris? Claro que não, mas isso não significa que não deva guardar algumas frases úteis. O Memrise, desenvolvido pelo campeão de memória Ed Cooke e o neurocientista de Princeton Greg Detre, transforma o aprendizado de línguas em uma diversão estranhamente viciante graças à mistura de flashcards e jogos audiovisuais. O usuário pode optar por dezenas de cursos de idiomas, sendo que alguns são mais elaborados que outros; os de línguas românicas, incluindo francês e espanhol, são muito bons.

Há também uma opção de entretenimento chamada "The Partial Polyglot" ("O Poliglota Parcial"), que ensina algumas palavras e frases em várias línguas. (O Memrise oferece a opção "Pro", com mais opções, por US$59,99/ano.)

Avast Photo Space: Quem nunca passou pelo perrengue de ficar sem espaço no telefone e ser forçado a sair deletando fotos? O Avast Photo Space é um novo aplicativo que pretende acabar com esse inconveniente conectando-se com o Dropbox ou uma conta do Google Drive para baixar e preservar as fotos originais de alta resolução; no celular ficam só com as cópias menores e de menor definição. Embora tenha funcionado muito bem para mim – consegui armazenar cem fotos e liberar quase 200MB de espaço no smartphone – há quem reclame que o programa é lento e dá pau.

A atualização de 25 de junho resolveu alguns problemas, mas talvez seja melhor esperar que saia mais uma ou duas antes de apostar seu dinheiro (e suas fotos) no aplicativo.

Getty Images/iStockphoto

Flight Stats: Apesar da popularidade, você não precisa pagar para ter um aplicativo que informe a situação dos voos, basta pesquisar no Google – mas se o recurso for realmente necessário, conte com o FlightStats. Da última vez que usei, ele acertou o horário de saída do meu avião quase na mosca. Permite que você faça a busca pelo número do voo, nome do aeroporto e rota, além de fornecer informações básicas sobre as cidades de onde vai decolar e aonde vai chegar.

Units Plus: A interface é meio simplista, mas este é o melhor conversor de moedas e medidas que já usei. Embora o aplicativo seja aberto, baixa os valores de câmbio a cada quinze minutos, mantendo-se sempre atualizado. Também converte unidades de peso, volume, área, distância e quase tudo o que você imaginar. A versão sem anúncios custa US$2,99.

5 Every Day: É uma situação por que todos nós passamos de vez em quando: você só quer que alguém lhe diga aonde ir e o que fazer. Claire Evans e Jona Bechtolt, da banda indie Yacht, criaram um aplicativo que reúne uma lista de cinco eventos alternativos, restaurantes e atividades em Los Angeles para cada um dos 365 dias do ano. Há sugestões de produções teatrais, caminhadas, uma leitura de Chuck Klosterman ou bares de que ninguém nunca ouviu falar.

O software é simples e intuitivo e explora o calendário oficial para oferecer atividades interessantes. O 5 Every Day é gratuito, mas permite que você marque um número ilimitado de programas como "favoritos" (ou seja, reservá-los para depois) mediante US$1,99. Por enquanto só vale para Los Angeles, mas pode se expandir para outras cidades em breve.

Divulgação

Pagos

Touchnote: Se você não é bom de se lembrar de mandar postais quando sai para viajar, esse aplicativo pode assumir quase todo o trabalho. Selecione qualquer foto em seu celular e o Touchnote a transformará em um postal, enviando-a para qualquer lugar do mundo através do serviço postal local. Pode também adicionar uma mensagem personalizada nas costas, como faria na versão de papel. Ele não é perfeito – uma opção de finalização sem brilho não seria nada mau –, mas isso é o de menos. Não é tão legal quanto comprar um selo de outro país, mas se não tiver tempo de ir atrás de uma agência de correio, o aplicativo o substitui, e bem. De US$1,50 a US$2,99/postal.

Packing Pro: Você gosta de tudo organizado? Tipo, impecável? Então o Packing Pro é a solução: ele esmiúça os preparativos para a viagem a tal ponto que é praticamente impossível esquecer alguma coisa. Dispõe de listas de roupas, acessórios, necessidades médicas e higiene pessoal, além de estabelecer prioridades, organizar e até fotografar peças e outros itens que tem que levar (ou comprar antes de viajar). As listas podem ser reutilizadas, descomplicando ainda mais a rotina daqueles que estão sempre viajando. US$2,99.

Human Resource Machine: Se você é como eu, então de vez em quando precisa de uma distração para ajudar a passar o tempo em uma viagem de avião ou ônibus particularmente chata. O Human Resource Machine é perfeito para quem curte joguinhos de lógica – que são basicamente uma série de desafios divertidos na qual você tem que criar linhas de "código" cada vez mais complicadas para completar. Mas atenção: ele não tem nada a ver com o Candy Crush, pois exige muito raciocínio. US$4,99 na App Store.

Aplicativo permite fazer compras a partir da geladeira

  •  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos