Tubarão "tuíta" alerta a banhistas ao se aproximar de praias na Austrália

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Twitter/@SLSWA

    Perfil no Twitter do serviço de salva-vidas da Austrália Ocidental alerta sobre tubarões na costa

    Perfil no Twitter do serviço de salva-vidas da Austrália Ocidental alerta sobre tubarões na costa

Com o objetivo de evitar o encontro entre tubarões e banhistas, o serviço de salva-vidas da Austrália Ocidental criou um sistema de alertas via Twitter bem curioso. Os próprios peixes "tuítam" posts quando chegam muito perto das águas costeiras.

Isso só foi possível porque houve um projeto conjunto entre biólogos e a SLSWA (sigla em inglês do Serviço de Salva-Vidas da Austrália Ocidental). No local, ao menos 100 ataques de tubarões ocorrem por ano.

Os cientistas marcaram mais de 320 animais (inclusive os temidos tubarões-brancos) com uma etiqueta acústica. Ela emite um sinal que é posteriormente "traduzido" em posts no Twitter, quando o peixe chega a menos de um quilômetro da costa.

Nos tuítes estão informações como tipo de tubarão, localização, distância da costa e horário do avistamento. Um post de 1º de janeiro avisava sobre um  tubarão branco com cerca de 3 metros avistado a 10 metros da costa da praia de Castle Rock, na cidade de Dunsborough. 

Chris Peck, representante da SLSWA, afirmou ao canal televisivo "Sky News" que assim as pessoas "não têm desculpa" de que não foram avisadas sobre os tubarões. "Agora a informação é instantânea."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos