Acessos em internet 4G chegam ao patamar da banda larga fixa no Brasil

Do UOL, em São Paulo

  • iStock

Dados da Associação Brasileira de Telecomunicações (Telebrasil), relativos a dezembro de 2015 e divulgados nesta sexta-feira (29), mostram que em apenas dois anos, o acesso à internet pelas redes 4G alcançaram os acessos em banda larga fixa, que está disponível no país há quase duas décadas.

O número de acessos via 4G chegou a 25,4 milhões em todo o Brasil, mesmo índice dos acessos em banda larga fixa. No final de 2013, quando a tecnologia 4G foi implantada, o número de acessos era de apenas 1,3 milhão.

De acordo com o balanço da Telebrasil, o 4G está em 469 municípios que concentram 55% da população brasileira. No período dos 12 últimos meses, foram 322 novas cidades a adotarem a tecnologia.

Considerando os acessos em 3G e 4G, a banda larga móvel fechou o ano de 2015 com 191,8 milhões de acessos, com crescimento de 14% em relação ao ano anterior. As redes de 3G já estão instaladas em 4.420 municípios, que concentram 95% da população brasileira.

Na banda larga total, considerando fixa e móvel, o balanço de 2015 mostra um total de 217,2 milhões de acessos, apresentando um crescimento de 13% em relação a 2014.

O comunicado da Telebrasil atenta para uma realidade que pode comprometer esse crescimento: as mudanças fiscais que afetam os donos de celulares.

"Desde o início deste ano, 12 Unidades da Federação aumentaram as alíquotas de ICMS sobre os serviços de telecomunicações, incluindo banda larga. Além disso, desde 1º de janeiro, o governo federal recuou na Lei do Bem, que zerava as alíquotas de PIS/Cofins dos celulares multifuncionais (smartphones), o que fez aumentar o preço dos aparelhos para os brasileiros, sobretudo os de menor renda", diz a nota.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos