Dois terços de Brasil, Argentina e México usam WhatsApp, diz pesquisa

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

Cerca de dois terços dos usuários de internet usam o WhatsApp na Argentina, México e Brasil, segundo um levantamento da pesquisa da GlobalWebIndex, empresa especializada em dados sobre tecnologia e marketing digital. O resultado foi divulgado na semana passada, dias depois do Whatsapp ter anunciado o fim de sua cobrança anual aos seus clientes.

A pesquisa tem como amostragem 10 milhões de pessoas de 33 países em todos os continentes. Os dados foram coletados no quarto trimestre de 2015. A América Latina foi representada apenas por Argentina, México e Brasil na pesquisa, mas nestes países 66% disseram usar o app. Já na região "Oriente Médio e África", que englobou países como África do Sul, Emirados Árabes, Turquia, Índia e Arábia Saudita, 63% se assumiram usuários do aplicativo.

Na América do Norte --Canadá e EUA-- apenas 7% responderam afirmativamente. Segundo o blog da GlobalWebIndex, o continente tem sido um problema para o WhatsApp, pois o Facebook Messenger vem sendo o serviço de mensagens dominante por lá.

Na Ásia, a China não aparece porque lá o WeChat é usado de forma maciça e desequilibraria a pesquisa. Mas o restante do continente usa bem, com 35% de adesão, incluindo aí países como Japão, Coreia do Sul e Hong Kong. A Europa --Reino Unido, França, Alemanha, Itália, Bélgica, Portugal, Espanha, Suécia e outras-- aparece com 33% no levantamento.

Tradutor: pesquisa da GlobalWebIndex, empresa especializada em dados para o mercado de marketing

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos