Operadoras começam a vender iPhone SE a partir de R$ 2.099 com planos

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

Algumas operadoras brasileiras iniciaram nesta terça-feira (24) a venda do iPhone SE. Atrelados a planos pós-pagos, o aparelho pode ser encontrado a partir de R$ 2.099. Valor um pouco mais em conta do que o encontrado na loja da Apple, que varia de 2.699 (versão de 16 GB) a R$ 2.999 (versão de 64 GB).

O novo modelo marcou a volta da Apple às telas de quatro polegadas. Chega ao mercado com especificações similares ao do iPhone 6S --processador  A9,  câmera traseira de 12 megapixels e vídeos em 4K. A diferença é que o SE não traz o 3D Touch, recurso da Apple que reage à pressão dos dedos na tela, é a câmera frontal (de 1,2 MP).

A Vivo, por exemplo, informa que oferece o iPhone SE por R$ 2.099, no plano SmartVivo 5GB, que custa mensalmente R$ 189,99 e dá direito à 5GB para acesso à internet, SMS ilimitado e 400 minutos de ligações.

A operadora também possibilita a trocar de um smartphone antigo por descontos na compra do novo aparelho. Com a entrega de um iPhone 5S 64GB, a Vivo diz que o iPhone SE pode chegar a ter um desconto de até R$ 850, saindo por R$ 1.249 (ou 12 x R$105). 

Na Claro o novo iPhone de 16 GB pode ser encontrado por 12 parcelas de R$ 179,00 (R$ 2.148) no plano Claro Max 5GB + 500 min, que custa mensalmente R$ 189,99. 

Já a TIM diz que só comercializará o modelo de 64GB por R$ 2.999, podendo ser parcelado em até 12 vezes sem juros. A venda não está atrelada a nenhum plano e segue o mesmo preço da loja da Apple.

A Oi ainda não informou se vai ou não incluir o iPhone SE em sem portfólio de smartphones, tampouco os possíveis preços, mas sinalizou o interesse: "A companhia tem parceria de negócios com a Apple e tem total interesse em disponibilizar o iPhone SE no Brasil aos seus clientes."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos