LG provoca rival e diz que G6 será "menos artificial" e "mais inteligente"

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Imagem obtida pelo site The Verge mostra como será o novo LG G6

    Imagem obtida pelo site The Verge mostra como será o novo LG G6

Um "teaser" divulgado nos últimos dias pela LG confirma que o novo smartphone da linha premium G6 será anunciado no dia 26 de fevereiro, véspera da MWC (Mobile World Congress), maior feira de telefonia móvel do mundo, que acontecerá de 27 de fevereiro a 2 de março em Barcelona, na Espanha. 

A empresa, que já tinha divulgado um vídeo dando pistas sobre a nova geração, aproveitou o anúncio para dar mais uma cutucada na rival Samsung. 

"Less artificial. More intelligence. The next generation smartphone, brought to you firt by LG (Menos artificial. Mais inteligente. O smartphone da nova geração, trazido para você primeiro pela LG)", diz o texto.

A provocação gira em torno da concorrência entre as assistentes pessoais das marcas. O novo LG G6, portanto, deve vir com alguma tecnologia interessante no campo da "inteligência artificial" para concorrer com Siri ou Cortana. Especula-se uma parceria com o Google -- hoje só o Pixel usa o Google Assistant de fábrica. Já a Samsung deve anunciar sua assistente Bixby junto com o Galaxy S8.

Não é a primeira vez que a LG dá uma provocada na Samsung. Em janeiro, um executivo da marca disse que um dos atrativos da empresa neste ano seria "a segurança de que a bateria não explode", numa referência ao escândalo das baterias do Galaxy Note 7. 

LG lança vídeo com pistas sobre novo celular

Veja o que já foi dito sobre o LG G6

A LG já destacou cinco qualidades para G6: tela grande, corpo menor, à prova d'água, "capture tudo isso de uma vez" e confiável. 

Uma tela grande com um corpo menor significa redução da bordas do aparelho.

Além de não ser mais modular, o novo modelo deve ter tela maior com vidro resistente, à prova d'água. O G5 chamou a atenção por seu design de conceito modular, isto é, que permitia trocar uma parte do aparelho --no caso, a bateria e a parte de baixo-- por um acessório que reforçasse algum recurso do celular, como um alto-falante ou câmera melhores. 

Repro

Segundo o jornal "The Korea Herald", a tela do G6 terá uma resolução Quad-HD+ (1.440 x 2.880 pixels, quatro vezes superior à HD) na proporção 18:9, o que na prática resultará em uma tela mais comprida. Quanto às polegadas, serão 5,7 polegadas, contra as 5,3 do G5. A iluminação será do tipo LCD, e não a Amoled, usada em alguns modelos da Samsung, no Moto Z (Lenovo) e no Zenfone 3 Deluxe da Asus.

O G5 tinha seu acabamento todo em metal --menos a tela, claro-- e o G6 deve ir pelo mesmo estilo. O vidro da tela deve ser o Gorilla Glass 4, o mesmo usado no seu antecessor. No vídeo divulgado recentemente pela LG, um dos pedidos cita a resistência da tela: "Não quero ficar pagando por uma tela quebrada ou afins". 

O G5 na época saiu com o melhor processador da Qualcomm na época, o Snapdragon 820. Neste ano, o top de linha é o 835, chip lançado na feira de tecnologia CES. Mas a aposta é que a linha LG provavelmente usará o 821, já que a Samsung teria pegado todos os Snapdragon 835 para o Galaxy S8. 

Um dos itens mais misteriosos é a câmera, pois o vídeo da LG tem uma pessoa dizendo que "quer capturar tudo ao mesmo tempo", o que certamente tem a ver com uma boa câmera, mas isso não quer dizer muita coisa --um recurso de captura de múltiplas fotos por segundo, talvez? Mas um chute que podemos dar é que a câmera traseira continuará sendo dupla, ainda mais que o recurso está em alta --vide o iPhone 7 Plus e outros modelos da Huawei (P9, Honor 8) e da própria LG (X Cam, V20).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos