Apple prepara mudanças no iPhone no 10º aniversário do aparelho

Mark Gurman e Min Jeong Lee

  • AP

Dez anos após Steve Jobs apresentar o iPhone original para uma multidão alvoroçada em São Francisco, a Apple planeja a linha mais extensa de iPhones já lançada.

A Apple está preparando três iPhones para lançamento no segundo semestre, incluindo versões atualizadas dos dois modelos iPhone atuais e um novo aparelho top de linha com um visual repaginado, segundo pessoas familiarizadas com o assunto. Para o telefone redesenhado, a Apple está testando um novo tipo de tela, cristal curvo, materiais de aço inoxidável e câmeras mais avançadas, disseram as pessoas. Aqueles que esperam ansiosamente pelo iPhone com novo design, contudo, possivelmente terão que esperar, porque devido a restrições de oferta o aparelho pode não estar prontamente disponível um ou dois meses após o tradicional lançamento de outono (Hemisfério Norte).

O iPhone é o produto mais importante da Apple, com cerca de dois terços das vendas. O aparelho também leva os clientes a comprarem outros dispositivos da Apple, como o iPad e o Apple Watch, e serve de base para serviços lucrativos como a App Store. A nova linha de iPhones deste ano chega em um momento crítico. No ano passado, a Apple quebrou seu ciclo tradicional de atualizações mantendo o mesmo formato do iPhone pelo terceiro ano seguido e sofreu uma rara queda nas vendas. Além disso, a nova linha S8 da Samsung Electronics foi bem recebida até aqui após os problemas de bateria do Note 7 no ano passado.

Para o modelo premium, a Apple está testando uma tela que cobre quase toda a parte da frente do aparelho, segundo pessoas familiarizadas com o assunto. O resultado é uma tela ligeiramente maior que a do iPhone 7 Plus, mas com um tamanho geral mais próximo do iPhone 7, disseram as pessoas. A Apple busca também reduzir o tamanho geral do aparelho integrando o botão de início à tela em si por meio de software, de forma similar ao S8 da Samsung, disseram as pessoas.

O iPhone reformulado usará uma tela de diodo emissor de luz orgânico que exibe as cores de forma mais precisa, enquanto os outros dois telefones continuarão usando a tecnologia de tela de cristal líquido e virão com os mesmos tamanhos de tela de 4,7 polegadas (11,9 centímetros) e 5,5 polegadas (13,9 centímetros) do iPhone 7 e do iPhone 7 Plus do ano passado, segundo pessoas familiarizadas com o assunto. Os planos da Apple para recursos e design do iPhone ainda estão em andamento e podem mudar, acrescentaram. As pessoas pediram anonimato por discutirem testes e planos de design privados da Apple.

Para seu telefone redesenhado, a Apple testou diversos protótipos com fabricantes parceiros na Ásia, incluindo algumas versões que usaram cristal curvo e aço inoxidável, segundo uma das pessoas.

Um dos últimos designs de protótipos inclui um cristal simétrico e ligeiramente curvo nas partes da frente e de trás. As formas das curvas são similares às da parte frontal do iPhone 7. A nova tela OLED em si é plana, enquanto o vidro da cobertura se curva sobre a carcaça de aço. O design é similar, conceitualmente, ao do iPhone 4, de 2010. O design de um dos primeiros protótipos tinha uma faixa mais fina de aço, o que destaca mais o vidro curvo nas laterais.

Porta-vozes da Apple e da Samsung preferiram não comentar.

"Steve Jobs, O Visionário": exposição mostra como pensava o mito da Apple

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos