Dicas de Tecnologia

Conhece o maior concorrente do WhatsApp? Line tem muito mais recursos

Fabio Andrighetto

Colaboração para o UOL

  • Getty Images

Por incrível que pareça, um dos aplicativos de troca de mensagens que mais cresce e domina diversas regiões do mundo é desconhecido dos brasileiros --aquele povo que simplesmente não desgruda do WhatsApp.

O Line foi lançado em 2011, no Japão, e já no primeiro ano de atividade cresceu três vezes mais rápido do que o Facebook em número de usuários na Ásia. Hoje, está presente quase todos os países, sendo o aplicativo mais baixado em 52 deles --Japão, Espanha, China, Índia, México e Rússia, entre outros-- e ultrapassou o Skype em número de usuários registrados.

Aplicativos de mensagens existem aos montes, mas o Line não é só mais um. Além de funcionar para mensagens instantâneas, oferece chamadas VoIP, em áudio e vídeo, e conta com milhares de emojis e stickers exclusivos.

Além disso, ele se diferencia dos concorrentes por ser uma rede social completa. No app, o usuário possui uma timeline e pode entrar em comunidades temáticas. Ou seja, é uma mistura de WhatsApp com Facebook --ou seria Orkut?

Tem para todos os gostos: time de futebol, séries de TV, bandas, jornais... Existem perfis oficiais e também aqueles criados pelos usuários.

Divulgação
Quem gosta de descobrir coisas diferentes, encontrará boas surpresas no Line. Por exemplo, dá para treinar o inglês (ou o francês, o espanhol...).

E mais, dada a variedade de símbolos e adesivos, um grupo consegue se comunicar com eficiência usando apenas as imagens gratuitas, sem digitar uma palavra sequer.

Outra vantagem do Line é sua integração com o Google Keep, serviço de armazenamento que facilita a troca de arquivos e alivia a quantidade de dados no espaço interno de seu smartphone.

Apesar de ser uma rede social completa e um aplicativo de mensagens eficiente (e que normalmente anda na frente de seus concorrentes como o WhatsApp e Skype), o Line ainda não "pegou" no Brasil. 

Um dos motivos para que ele seja desconhecido da maior parte dos brasileiros é um efeito curioso das redes sociais: o número de usuários. Quanto mais gente usando, maior a possibilidade de que ele seja útil no dia a dia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos