Celulares com supercâmera lenta e super tela da Sony chegam ao Brasil

Do UOL, em São Paulo

Chegaram ao Brasil as novidades apresentadas pela Sony na Mobile World Congress: o celular com supercâmera lenta Xperia XZ Premium e o Xperia XA1 Ultra com tela enorme e preço mais acessível.

O Xperia XZ Premium chega às lojas em 12 de julho com preço sugerido de R$ 3.999, enquanto o Xperia XA1 Ultra vai custar R$ 2.299 e só estará nos varejistas em agosto.

O grande diferencial do XZ Premium é ser o primeiro smartphone a filmar em uma supercâmera lenta, com vídeos que rendem 960 frames por segundo --para se ter uma ideia, os vídeos convencionais trazem 30 fps. Chamada de Motion Eye, ela grava e reproduz em uma velocidade 32 vezes mais lenta do que a gravação de um vídeo normal. 

Marcio Padrão/UOL
Detalhe da parte frontal do Xperia XZ Premium, da Sony

O módulo de câmera conta até com uma memória integrada, independente da memória RAM do celular. Além disso, o novo sensor de 19 MP tem 19% mais pixels para capturar mais luz no resultado final.

A câmera do XZ Premium ainda possui uma captura preditiva. Ela inicia automaticamente o carregamento de imagens quando detecta movimento no sensor da câmera, antes mesmo de você pressionar o botão da foto. Ele tira uma sequência de quatro disparos realizados um segundo antes do clique, para que depois você possa escolher o melhor deles. Isso funciona bem para momentos muito rápidos, como cenas esportivas.

A tela de 5,5 polegadas do XZ Premium também impressiona por trazer resolução 4K e padrão de imagem HDR, que balanceia os pontos claros e escuros de uma foto para gerar uma imagem com iluminação mais precisa. O áudio também será em alta resolução. 

Outro dado técnico inovador sobre o Xperia XZ Premium é ter sido o primeiro celular a receber o poderoso processador Snapdragon 835, que roda a 2,45 GHz. Porém, a Sony saiu apenas alguns dias à frente da Samsung, que também anunciou o 835 no seu Galaxy S8.

XA1 Ultra

O outro modelo a desembarcar no Brasil, o Xperia XA1 Ultra, vem na onda dos celulares intermediários com telas enormes e um preço bem mais em conta, se usarmos os tops de linha acima de R$ 3 mil como parâmetro.

Seu visor é de seis polegadas (com resolução Full HD), o que deixa todo o celular bem grande --e difícil de manusear-- também. No ano passado, o UOL testou o XA Ultra, antecessor do XA1 Ultra, e comprovou essa dificuldade.

O XA1 Ultra tem 165 x 79 x 8,1 milímetros e 188 gramas. Para efeito de comparação, ele é três centímetros mais alto e 50 gramas mais pesado que o iPhone 7. Outras medidas avantajadas dele estão nas câmeras: 23 MP na traseira e 16 MP (com flash LED) na frontal.

Uma pena que a bateria dele, pelo menos no papel, não seja das mais impressionantes: tem apenas 2.700 mAh. Ela não apenas é inferior à do XZ Premium, mas também é menor do que a maioria dos celulares recentes vêm trazendo, a partir de 3.000 mAh.

Xperia XZ Premium

Tela: 5.5 polegadas 4K
Sistema operacional: Android 7.1
Processador: Snapdragon 835 (2,45 GHz)
Memória: 64 GB de armazenamento interno (aceita cartão microSD de até 256 GB) e 4 GB de RAM
Câmeras: 19 MP (principal) e 13 MP (frontal)
Dimensões e peso: 156 x 77 x 7,9 mm; e 195 g
Bateria: 3.230 mAh

Divulgação
Sony Xperia XA1 Ultra

Xperia XA1 Ultra

Tela: 6 polegadas Full HD
Sistema operacional: Android 7.0
Processador: MediaTek Helio P20 octa-core (2,3 GHz)
Memória: 32 GB / 64 GB de armazenamento interno (aceita cartão microSD de até 256 GB) e 4 GB de RAM
Câmeras: 23 MP (principal) e 16 MP (frontal)
Dimensões e peso: 165 x 79 x 8,1 mm; e 188 g
Bateria: 2.700 mAh

Xperia XA Ultra: um gigante do selfie, mas que cobra seu preço

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos