Microsoft esclarece que Paint poderá ser baixado na Windows Store

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Microsoft decidiu tranquilizar os fãs do editor de imagem; segundo empresa, ele ainda poderá ser utilizado normalmente

    Microsoft decidiu tranquilizar os fãs do editor de imagem; segundo empresa, ele ainda poderá ser utilizado normalmente

A Internet foi tomada por um sentimento de nostalgia após a notícia de que a Microsoft descontinuaria o Paint, aplicativo de edição e desenhos do Windows, com uma nova atualização de seu sistema. No entanto, após ver toda a repercussão, a Microsoft, finalmente, resolveu esclarecer que o programa não vai acabar. Ele só vai mudar de lugar.

"O MS Paint está aqui para ficar. Ele só terá uma casa nova em breve, que é a Windows Store [loja de apps do Windows], e estará disponível gratuitamente", informou a empresa em seu blog.

Portanto, segundo a Microsoft, vai acontecer o seguinte: o aplicativo vai ser substituído pelo Paint 3D que, em breve, deve receber as funcionalidades do app convencional. Enquanto isso, o Paint que todos conhecemos estará disponível na loja de conteúdos da companhia.

No anúncio, a empresa informa que o Paint 3D será o novo app de criatividade padrão e que vai continuar a receber atualizações junto com o Windows. Sobre o Paint convencional, não há detalhes sobre isso. Porém, o que dá a entender é que ele deverá ser deixado de lado com o tempo, uma vez que o Paint 3D terá os mesmos recursos.

A atualização em que vai ocorrer essa mudança, conhecida como Windows 10 Fall Creators Update, será liberada ainda no segundo semestre deste ano.

Explicando a confusão

A notícia da remoção do Paint do Windows começou a se espalhar após uma publicação da empresa dando detalhes sobre a próxima grande atualização do Windows 10. Lá, a Microsoft dizia que no próximo update o aplicativo de edição de imagens poderia ser descontinuado em uma nova atualização, e que o Paint 3D estaria no sistema como padrão.

Isso foi a gota d'água para suscitar a nostalgia do aplicativo, presente por padrão em todas as versões do Windows, e a raiva de alguns usuários.

"Hoje, nós vimos uma incrível comoção de apoio e nostalgia em torno do MS Paint. Se tem algo que aprendemos é que após 32 anos, o MS Paint tem um monte de fãs. Foi incrível ver tanto amor por nosso antigo e confiável app", informou a Microsoft.

No fim das contas, o fato é que o Paint convencional vai continuar a existir, mas na Windows Store. Enquanto isso, a aplicação padrão do Windows 10 será o Paint 3D.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos