O dono das redes sociais? Neymar gera milhões de interações com venda

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Negociação de Neymar com o PSG causou rebuliço nas redes sociais

    Negociação de Neymar com o PSG causou rebuliço nas redes sociais

A transferência recorde de Neymar do Barcelona para o PSG não causou rebuliço só na cabeça do jogador, mas também do público em geral. Prova disso é que o Facebook divulgou hoje que a negociação gerou milhões de interações na rede social e também no Instagram, outra rede social da companhia. Pode-se dizer que o atacante foi "o dono das redes sociais" no início deste mês.

Os perfis do clube e do brasileiro ficaram visados em busca de qualquer notícia que confirmasse (ou não) a venda recorde por 222 milhões de euros. O início de agosto foi movimentado por milhões de interações nas páginas da equipe e do atacante.

Segundo dados do CrowdTangle, PSG e Neymar fizeram 38 postagens no Facebook, com 13,8 milhões de interações em apenas sete dias. O Instagram também não ficou nem um pouco atrás disso: foram 54 postagens de ambas as partes, com 55,6 milhões de interações.

Mas é óbvio que as interações não couberam só aos dois protagonistas do negócio. O público em geral também teve a chance de palpitar na vida do atacante da Seleção. No Facebook, foram nada menos que 40 mil postagens públicas, com 39,6 milhões de interações. Já o Instagram contou com 2.700 postagens públicas e 28 milhões de interações.

Os vídeos foram uma forma dos usuários acompanharem o passo a passo da negociação – Neymar inclusive postou um vídeo em que se despedia do Barcelona, seu ex-clube. Não à toa, o atacante atingiu 52 milhões de visualizações em vídeos durante o período. Já o PSG chegou a 32,7 milhões de visualizações.

Ao menos o clube francês contou com mais visualizações no Instagram: foram 20 milhões, contra "apenas" 5,1 milhões do jogador.

Se somadas todas as publicações relativas ao assunto o número fica ainda mais absurdo: foram nada menos que 2,6 bilhões de visualizações de vídeos no Facebook e 30 milhões no Instagram.

Parece não ser à toa que o Paris Saint-Germain já via o absurdo valor da transferência ser aos poucos recuperado nos dias seguintes, devido ao marketing gerado e à venda de uniformes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos