Fim de uma era: Nextel acaba com serviço de rádio após 20 anos

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    BlackBerry Curve 8350i, um dos celulares com Push to Talk, tecnologia de rádio usada pela Nextel

    BlackBerry Curve 8350i, um dos celulares com Push to Talk, tecnologia de rádio usada pela Nextel

A Nextel emitiu um comunicado em seu site oficial em que confirma que desligará seu serviço de comunicação por rádio, recurso que existe desde a fundação da empresa em 1997 e que a tornou famosa.

A justificativa da Nextel é que o surgimento de novas tecnologias fez com que o serviço perdesse a atratividade perante os usuários e os "provedores de insumos" --isto é, as fabricantes de celulares.

VEJA TAMBÉM:

"Os aparelhos, por exemplo, não são mais fabricados no Brasil e, devido ao baixo estoque de novos equipamentos disponíveis no mercado, a única forma de continuarmos a oferecê-los aos nossos clientes é por meio de recondicionamento", diz a empresa na nota. Recondicionamento é o nome do processo de recuperar aparelhos antigos e/ou usados e revendê-los.

A conclusão do processo de migração será em 31 de março de 2018, quando a operação do rádio para clientes será totalmente descontinuada. "Vale ressaltar que esse processo não afetará as nossas atividades e nem os nossos clientes que já estão na tecnologia 3G/4G", diz a empresa. Desde 2015 que a empresa usa sua faixa de rádio para oferecer internet móvel.

A empresa usava o rádio iDEN (Integrated Digital Enhanced Network), tecnologia desenvolvida pela Motorola, que fornece aos usuários serviços de rádio no estilo Push to talk (aperte para falar). Nele, era necessário apertar um botão para falar, e depois esperar até ouvir a resposta da pessoa do outro lado da linha, que devia usar um celular com o mesmo serviço.

Ficou famoso o barulhinho que os celulares compatíveis com o rádio da Nextel faziam entre uma mensagem e outra --e que ilustrou alguns dos comerciais da marca.

Com o fim do serviço de rádio, a Nextel dará início a um programa de migração das linhas SME (Serviço Móvel Especializado) para o SMP (Serviço Móvel Pessoal), tipo mais comum de comunicação entre os atuais celulares. A migração é prevista na Lei Geral de Telecomunicações (LGT) e no Código de Defesa do Consumidor.

Como forma de valorizar os usuários de longa data, a empresa diz ter preparado promoções especiais de planos e aparelhos para os clientes que quiserem migrar.

Além disso, a empresa reforça o uso do PRIP, seu aplicativo para celulares que recria a experiência do Rádio Nextel. Assim como no WhatsApp, nele também é possível realizar ligações, compartilhar localização, fazer chamadas em grupo e enviar mensagens de voz.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos