De olho na segurança

Correções da Intel contra falha levam certos PCs a reiniciar sistema

Do UOL, em São Paulo *

  • Arte UOL/logos Natascha Eibl/Graz University of Technology

A Intel anunciou na quinta-feira (11) que as correções emitidas recentemente para as falhas Meltdown e Spectre podem tornar alguns computadores mais propensos a reinicializar o sistema operacional com mais frequência do que o normal.

Seriam afetados pelo novo problema os PCs que usam versões mais antigas dos processadores de arquitetura Broadwell (5ª geração) e Haswell (4ª geração). Máquinas para uso corporativo e principalmente data centers --centro de processamento de dados, com servidores em rede-- estariam comprometidos.

VEJA TAMBÉM:

Em uma declaração no site da Intel, Navin Shenoy, gerente geral do grupo de data centers da empresa, disse que a Intel recebeu relatórios sobre o problema e estava trabalhando diretamente com os clientes para "entender, diagnosticar e resolver esse problema".

"Se isso requer uma atualização de firmware revisada da Intel, distribuiremos essa atualização através dos canais normais", disse Shenoy.

Já os usuários comuns, diz a Intel, devem continuar a aplicar as atualizações recomendadas pelos seus sistemas e provedores de sistemas operacionais.

Medidas das demais empresas

O Google anunciou também na quinta-feira que já implantou atualizações de software contra falhas de segurança de chips Spectre e Meltdown sem impactar os serviços de nuvem.

A empresa disse que começou a implementar atualizações para a Meltdown e uma variante da Spectre em setembro e, em dezembro, criou uma atualização para a Variant 2 da Specter, que é mais difícil de consertar sem desacelerar os sistemas.

"Este conjunto de vulnerabilidades foi talvez o mais difícil e desafiador de consertar em uma década", afirmou o executivo do Google, Ben Treynor Sloss.

A Microsoft também lançou atualizações para as falhas, mas no início desta semana admitiu que sua correção para a Variant 2 desacelerou alguns computadores pessoais e servidores, com sistemas com processadores Intel mais antigos que apresentaram uma diminuição notável de desempenho.

* Com agência Reuters

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos