UOL Testa: Celulares

S9+, iPhone X e iPhone 8 Plus: qual celular poderoso é o melhor?

Bruna Souza Cruz e Gabriel Francisco Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

Galaxy S9+, iPhone X e iPhone 8 Plus. Três modelos diferentes, mas que guardam ao menos duas semelhanças: são poderosos e caros. Mas, afinal, qual desses celulares top de linha é o melhor?

É claro que, muitas vezes, a resposta depende muito mais do gosto de cada um – sistema operacional preferido, usabilidade, tamanho, etc.

Veja também: 

Mas é bom sair para comprar sabendo o que esperar do produto. Então, vamos ao comparativo. Colocamos em negrito o vencedor de cada categoria:

Corpo e design

iPhone 8 Plus: 158,4 x 78,1 x 7,5 mm; e 202 g
iPhone X: 143,6 x 70,9 x 7,7 mm e 174 g
S9+: 158,1 x 73,8 x 8,5 mm e 189 gramas

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
iPhone X tem tamanho agradável e bonito design

Tanto iPhone 8 Plus quanto o S9+ pecam por um motivo: são grandes demais e impossíveis de serem usados com apenas uma das mãos. O modelo da Apple ainda tem um visual antigo com muitas bordas e o botão central. O S9+ é mais bonito, graças à tela edge, mas mesmo assim não ganha.

O iPhone X, mesmo com o polêmico entalhe no topo, é o que leva mais pontos. Seu tamanho é perfeito: bom para ver vídeos e ótimo para manusear. A tela infinita agrada bastante, já que a borda de baixo quase some.

Mas vale dizer: não importa qual você escolher, terá em mãos um celular com corpo de vidro, ou seja, lindo, mas suscetível a quebras em quedas.

Tela e áudio

iPhone 8 Plus: 5,5 polegadas LCD Full HD Retina True Tone
iPhone X: 5,8 polegadas Oled (2.436 x 1.125 pixels)
S9+: 6,2 polegadas Super Amoled (2.960 x 1.440 pixels)

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
S9+ agrada na tela e no áudio

A briga é boa entre o iPhone X e o S9+. De um lado, a Apple finalmente aderiu à tela Oled no smartphone, mas a própria tela vendida para o iPhone X foi feita pela Samsung. O S9+, com a tecnologia Super Amoled, está um pouco à frente, com um tamanho que satisfaz quem gosta de vídeo. O iPhone 8 Plus é o pior dos três, mantendo a tecnologia LCD e um tamanho de tela pequeno em um corpo grande.

A Apple ganhava de longe na parte de áudio, mas viu a Samsung encostar com o turbinado som do S9+. Vale dizer que o aparelho da marca sul-coreana mantém a entrada para fone de ouvido (e ainda traz o ótimo fone da AKG na caixa). A Apple extinguiu a entrada e causou polêmica – para conectar um fone com cabo, você terá que usar a saída do carregador.

Veja também: 

Câmera principal

iPhone 8 Plus: Dupla de 12 MP
iPhone X: Dupla 12 MP
S9+: Dupla 12 MP

A disputa é tão boa que houve empate. Todos fazem ótimas imagens, com boa variação de cores, contraste legal e sem serem comprometidas por diferentes tipos de luz. Os três ainda contam com câmeras duplas que fazem fotos com desfoque de fundo – nesse ponto, os iPhones estão na frente.

UOL
Modo retrato do iPhone 8 Plus é bom e faz sucesso por aí

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Foto no foco dinâmico em ambiente com luz artificial do Galaxy S9+

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Modo retrato na câmera principal do iPhone X

O S9+ veio com uma novidade chamada "abertura variável" que faz com que o smartphone varie entre diferentes aberturas dependendo da luz do ambiente em que você está. Com isso, as fotos noturnas, que já eram melhores, ganharam das feitas pelos modelos da Apple – embora a diferença seja sutil.

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Foto com a câmera do Galaxy S9+ à noite

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Foto no mesmo local e horário tirada com o iPhone X - S9+ tem mais detalhes no fundo

A Samsung conta com mais modos de fotografia, mas o Live Photo do iPhone (em que são gravados mini vídeos antes e depois das fotos serem tiradas) ganha mais pontos.

Câmera frontal

iPhone 8 Plus: 7 MP
iPhone X: 7 MP
S9+: 8 MP

Nesse ponto não há dúvidas: o iPhone X leva. Isso graças à somatória de tecnologias da câmera, que já é ótima, com os recursos do Face ID (a tecnologia que lê seu rosto em 3D e é usada para desbloquear o celular).

Além de fazer ótimas fotos, o iPhone X é capaz de fazer um modo retrato muito bom com a câmera principal – quase tão bom quanto o da traseira. Sem contar os efeitos da selfie, que te deixam com cara de modelo. É outro nível.

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Selfie no modo retrato com o iPhone X

Já o S9+ até conta com um modo retrato, mas não é tão bom. Muitas vezes a foto fica mais embaçada que desfocada. Ao menos ele conta com um modo panorâmico que é ótimo para selfies em família – o difícil é não tremer. As fotos no modo automático, no entanto, são ótimas.

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Câmera de selfie do Galaxy S9+ com desfoque de fundo em ambiente com luz artificial

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Câmera de selfie do Galaxy S9+ no modo panorâmico pode ficar tremida

Bateria e desempenho

iPhone 8 Plus: 2.675 mAh e processador Apple A11 Bionic
iPhone X: 2.716 mAh e processador Apple A11 Bionic
S9+: 3.500 mAh e processador Snapdragon 845

Reprodução
iPhone 8 Plus tem bateria "menos pior" do que concorrentes

A zebra acaba vencendo no quesito bateria. O iPhone 8 Plus, que tem o visual mais antigo dos três, aguenta melhor o "tranco". O aparelho da Apple consegue cerca de um dia e meio de autonomia de bateria, o que também não é lá essas coisas.

Tanto iPhone X quanto S9+ sobrevivem, em média, um dia longe da bateria. O aparelho da Samsung decepcionou por ser a versão mais robusta do modelo e, supostamente, deveria ter uma maior capacidade – no ano passado o S8+ se saiu melhor do que a atualização de 2018, inclusive.

Recursos extras

iPhone 8 Plus: nenhum
iPhone X: Face ID e Animoji
S9+: Reconhecimento de íris e Emoji AR

Reprodução
iPhone se sai bem com o Face ID

O iPhone 8 Plus não possui nada que o torne especial, então a disputa é entre iPhone X e S9+. 

De um lado, a Apple tem o Face ID, que permite desbloquear o celular com seu rosto. O recurso funciona bem até quando o usuário muda o cabelo, deixa a barba crescer e usa acessórios como óculos, chapéu e cachecol.

O reconhecimento facial do S9+ não é tão eficiente e seguro, mas o destaque vai para o desbloqueio por íris: o recurso foi melhorado neste ano e, em nossos testes, se saiu quase tão bem quanto o Face ID.

Já a moda dos emojis animados começou no iPhone X – você pode "virar" um emoji como cocô, que reproduz suas falas e feições do rosto em tempo real para enviar para algum amigo.  A resposta do S9+ foi com o Emoji AR – neste caso, é criado um emoji com as suas feições do rosto. No caso da Samsung, você também pode ser um Mickey ou personagem dos Incríveis, em parceria feita com a Disney. São firulas que variam do gosto do usuário.

Márcio Padrão/UOL
Essa é a versão do emoji animado da Samsung para o S9 e S9+

O iPhone X ainda oferece o sistema operacional iOS com controle de gestos – provavelmente, esse é o futuro dos celulares. No caso da Samsung, estão presentes recursos como multitarefa (usar dois apps ao mesmo tempo) e a possibilidade de usar duas contas diferentes em serviços de mensageiros como WhatsApp e Messenger.

Custo-benefício

iPhone 8 Plus: R$ 4.599
iPhone X: R$ 6.999
S9+: R$ 4.899

Divulgação
iPhone 8 Plus foi lançado na cor vermelha recentemente pelo mesmo valor

Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
S9+ é lançamento mais recente e não chega ao preço do iPhone X

É aí que a história se complica de vez. Todos os celulares são extremamente caros e fora da realidade da maioria dos brasileiros. O mais absurdo é o iPhone X, que se comprado no Brasil custará para você nada menos que praticamente R$ 7 mil.

Os dois outros modelos ao menos se equivalem um pouco com seus caros preços. Se você quer economizar um pouco na compra de um top de linha, a dica é ficar com um deles.

E aí vai ter que fazer uma escolha: ou o visual moderno e recursos inovadores do S9+ ou a vida útil provavelmente mais longa do iPhone 8 Plus.

Qual é o melhor para você?

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos