De olho na segurança

Por que tanta gente usa "dragão" como senha de computador?

Márcio Padrão

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/HBO

    Daenerys Targaryen, uma das heroínas da série "Game of Thrones", com uma de suas senhas no ombro

    Daenerys Targaryen, uma das heroínas da série "Game of Thrones", com uma de suas senhas no ombro

Normalmente as piores senhas usadas pelos usuários para acessar computadores ou redes sociais são um tanto óbvias, como a sequência "123456" ou a palavra "password" (senha, em inglês). Mas uma reportagem recente da revista "Wired" levantou uma curiosidade: uma senha constante entre as piores nos últimos anos é a incomum palavra "dragon", dragão.

No final de 2017, noticiamos a lista das piores senhas da empresa de segurança Splash Data. Além das presenças constantes dos últimos anos, "Dragon" constava na 18ª colocação em um ranking de 20. Ah, não é tão comum assim, você pode pensar.

VEJA TAMBÉM:

Mas uma página da Wikipedia que cataloga as últimas listas da Splash Data de piores senhas mostra que "Dragon" está sempre por ali. Chegou a estar em nono lugar em 2014.

Outra lista de piores senhas, desta vez da empresa WP Engine --que atua na plataforma de blogs Wordpress-- trazia em 2015 "dragon" como a décima mais usada. Também foi a quarta base de quatro caracteres (ou cima disso) mais usada.

A principal razão apontada pela "Wired" é um tanto óbvia: por conta da popularidade crescente dos dragões na cultura pop, na série "Game of Thrones", os livros e filmes "Harry Potter", a franquia de RPGs "Dungeons and Dragons" e o game "Skyrim".

"As pessoas muitas vezes baseiam suas senhas em algo que é importante para elas; aparentemente, dragões caem nessa e devido a 'D & D', 'Skyrim' e 'Game of Thrones', os dragões têm desempenhado um papel importante em nossa cultura", diz o consultor de segurança Mark Burnett na reportagem.

Mas a reportagem destaca que outros motivos para isso têm a ver com a metodologia que essas empresas adotam. Muitas vezes elas lançam mão de bancos de dados de senhas vazadas publicamente.

Daí palavras completas como "dragão" podem ser desproporcionalmente populares nesses casos porque os sites invadidos têm menor probabilidade de exigir que os usuários incluam um número ou um caractere especial em sua senha.

O tipo de site de onde vem esses dados de senha também pode distorcer os resultados. Muitas das credenciais da pesquisa da WP Engine vieram do eHarmony, um site de relacionamento que agrega em sua maioria usuários homens na faixa dos 30 anos de idade --basicamente o público-alvo de "Game of Thrones" e produtos afins. Eles devem ter começado a usar "dragão" desde quando eram adolescentes, para quem dragões são criaturas muito legais.

Além disso, muitas empresas conseguem proteger muito bem as autenticações de seus usuários e clientes e não entram nessas estatísticas. Todos esses poréns tornam esses levantamentos um pouco imprecisos.

Mas não deixa de ser um forte indício de como nerds de computador adoram dragões e os acham seguros o bastante para protegê-los de hackers. Pena que eles só existem nos filmes.

Golpes no WhatsApp: use estas dicas antes de clicar em promoções falsas

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos