Não é erro: usuário já esqueceu a mãe em carro pedido por app de transporte

Gabriel Francisco Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images/Vetta

    Imagina a surpresa do motorista ao perceber que uma mãe foi deixada no carro

    Imagina a surpresa do motorista ao perceber que uma mãe foi deixada no carro

Se você acredita que é uma pessoa esquecida, estamos prestes a redefinir seus padrões. Já imaginou deixar a sua mãe em um carro pedido por aplicativo? Pois isso já ocorreu, segundo a 99, que implementou neste mês novos recursos para recuperar itens perdidos em veículos com motoristas da companhia.

A pedido do UOL Tecnologia, a 99 esclareceu que a mãe foi "perdida" em São Paulo. A empresa disse que recebeu o contato para recuperar a inusitada perda pelo número da sua Central de Ajuda. O atendente responsável pela chamada, então, colocou em contato motorista e passageiro para que fosse feita a "devolução" da mãe.

Veja também: 

A companhia, entretanto, evita passar mais detalhes do caso para preservar a privacidade dos envolvidos na situação. Nós, por aqui, só queremos entender como nenhum dos envolvidos – passageiro e motorista - percebeu que uma pessoa havia ficado para trás no carro.

Na próxima vez que sua mãe disser que você não ama ou valoriza ela, lembre de mandar essa reportagem para ela: pelo menos você nunca esqueceu da sua mãe em um carro pedido por aplicativo... 

Tem mais objeto esquisito perdido

O aplicativo ainda registra outros objetos para lá de estranhos perdidos em carros da empresa. Além da mãe, outros seres vivos também foram deixados para trás – entre eles, um gato e um papagaio.

Até mesmo uma máquina que geraria um novo ser vivo foi esquecida: em Quixeramobim (CE), o motorista Tiago afirmou que um passageiro deixou no porta-mala uma máquina de inseminação artificial para equinos. El só descobriu do que se tratava quando devolveu, claro. 

A 99 ainda relata, entre objetos deixados para trás, uma perna mecânica, varinha do Harry Potter, microondas, 150 yakults, pia de banheiro, saco de folhas de amora e churrasqueira. No total, mais de 160 mil objetos já foram esquecidos em carros da 99 só neste ano – eram cerca de 5 mil por semana antes do lançamento das funcionalidades.

Os itens esquecidos com mais frequência são, claro, celulares, carteiras e chaves. A campeã de objetos perdidos é a cidade com mais corridas no país: São Paulo, seguida por Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba e Recife.

Novas funcionalidades

Para evitar mães perdidas e afins, a 99 lançou neste mês de agosto funcionalidades novas no aplicativo. O primeiro recurso é uma mensagem de voz que avisa os usuários a verificarem se nada foi deixado no veículo.

Já a outra é um canal próprio no aplicativo para que usuários contatem os motoristas em caso de perdas de objetos. Segundo a 99, desde que foram implantadas, as duas ferramentas causaram uma redução de 50% nos casos de esquecimentos em corridas feitas pelo app.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos