Pentágono diz que suposta exposição de fotos no Facebook viola valores fundamentais

WASHINGTON (Reuters) - O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Jim Mattis, afirmou nesta sexta-feira que os funcionários envolvidos em qualquer suposto compartilhamento de fotos nuas de colegas do sexo feminino eram culpados de "flagrantes violações de valores fundamentais" e prometeu uma investigação completa.

"Falta de respeito pela dignidade e humanidade de colegas membros do Departamento de Defesa é inaceitável e contra a coesão da unidade", disse Mattis em comunicado.

O Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA foi abalado por um escândalo envolvendo um grupo privado do Facebook chamado "Fuzileiros Unidos" e a distribuição de imagens de mulheres das Forças Armadas --frequentemente com comentários obscenos e misóginos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos