Receita atinge US$6,5 bi em 2016, mas Uber ainda tem prejuízo

(Reuters) - O Uber Technologies gerou 6,5 bilhões de dólares em receitas no ano passado e suas reservas brutas duplicaram para 20 bilhões de dólares, informou o aplicativo de serviço de transporte urbano.

A empresa teve uma prejuízo líquido ajustado de 2,8 bilhões de dólares, excluindo a operação na China vendida no ano passado, disse o Uber.

Como empresa privada, agora no valor de 68 bilhões de dólares, Uber não divulga seus resultados financeiros publicamente. O Uber confirmou os números em uma declaração por email após a agência Bloomberg ter divulgado os resultados.

Uber não forneceu os números do primeiro trimestre, mas uma porta-voz disse que "parecem estar em linha com as expectativas".

Em uma declaração separada por email, Rachel Holt, gerente geral regional do Uber para os Estados Unidos e Canadá, disse: "Temos a sorte de ter um negócio saudável e crescente, dando-nos espaço para fazer as mudanças que sabemos são necessárias na gestão e prestação de contas, na nossa cultura e organização, e na nossa relação com os motoristas".

O Uber foi abalado ultimamente por uma série de contratempos, incluindo acusações detalhadas de assédio sexual de uma ex-empregada e um vídeo mostrando que o executivo-chefe, Travis Kalanick, repreendia duramente um motorista do Uber.

A empresa está em processo de contratação de um diretor operacional para ajudar Kalanick a gerenciar a empresa, reparar sua imagem manchada e melhorar sua cultura.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos