Deutsche Telekom diz que ambiente regulatório para fusões parece favorável após Trump

COLÔNIA (Reuters) - A Deutsche Telekom está otimista em relação ao ambiente regulatório nos Estados Unidos sob a gestão de Donald Trump.

A T-Mobile US, que é controlada pela Deutsche Telekom, está no centro de especulações sobre fusões e aquisições.

Investidores esperam que o governo de Trump será mais aberto a grandes acordos e que isso possa desencadear uma onda de consolidação no setor de telecomunicações e mídia dos Estados Unidos.

Questionado sobre quais sinais a Deutsche Telekom teria recebido da nova administração, o presidente-executivo Tim Hoettges afirmou antes de uma reunião anual de acionistas nesta quarta-feira: "O ambiente regulatório parece bom."

Três anos atrás, a Sprint Corp, controlada pelo japonês Softbank, desistiu de comprar a T-Mobile US, depois que reguladores indicaram que tal acordo não seria aprovado.

Hoettges afirmou, ainda, a Deutsche Telekom está em contato com reguladores em base constante.

No início deste ano, a Reuters citou fontes dizendo que o Softbank estava preparado para ceder o controle da T-Mobile US à Sprint.

(Por Harro ten Wolde e Peter Maushagen)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos