Ação da Apple despenca após relato de que novo iPhone pode ficar aquém de concorrentes

(Reuters) - As ações da Apple caíram cerca de 4 por cento nesta sexta-feira depois de relatos na imprensa de que os próximos iPhones, a serem lançados neste ano, usarão chips com velocidade de download mais lenta do que alguns celulares concorrentes.

Há uma grande expectativa de que a Apple irá, neste ano, aprimorar seu iPhone, que chega ao seu 10º aniversário. Sugestões de que a tecnologia do aparelho estaria aquém do desempenho dos celulares de alta tecnologia que rodam o sistema Android da Alphabet podem prejudicar as vendas.

Um porta-voz da Apple não respondeu a pedidos de comentários.

A Qualcomm, fornecedora da Apple, vende modems capazes de baixar dados a altas velocidades de 1 gigabit, mas a tecnologia do modem da Intel Corp ainda não possui essa capacidade, de acordo com reportagem publicada pela Bloomberg News.

Como a Apple tradicionalmente reluta em confiar em apenas um fornecedor, está usando modems de ambas as empresas, mas limitando a velocidade de download dos produtos Qualcomm para que todos os novos iPhones operem da mesma forma, informou a Bloomberg, citando fontes não identificadas.

As ações da empresa subiram cerca de 30 por cento no acumulado de 2017, grande parte em antecipação à atualização do iPhone.

(Por Noel Randewich)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos