Autoridade da Ucrânia diz que versão do vírus WannaCry causou ataques cibernéticos

KIEV (Reuters) - Um conselheiro do ministro do Interior da Ucrânia disse que uma versão do "WannaCry" ransomware causou interrupções em sites do governo e de várias empresas, em um ataque cibernético que ele classificou como o pior na história da Ucrânia.

O conselheiro Anton Gerashchenko disse que os sistemas de tecnologia da informação (TI) da Ucrânia foram alvo do "Cryptolocker", uma versão do WannaCry, o vírus que bloqueou mais de 200 mil computadores em mais de 150 países em maio.

"O objetivo final do ataque cibernético é tentar desestabilizar", escreveu ele em uma publicação no Facebook, na qual disse que os ataques provavelmente se originaram da Rússia.

(Por Pavel Polityuk)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos