Empresa de cartões de crédito Vantiv se torna global com compra da Worldpay por US$10 bi

SÃO PAULO (Reuters) - A processadora de cartões de crédito norte-americana Vantiv concordou em adquirir a britânica Worldpay por 7,7 bilhões de libras nesta quarta-feira, em um movimento que deve levar a outros acordos.

As empresas de pagamento se tornaram alvos de firmas de cartões de crédito e bancos que buscam capitalizar com a mudança de transações em dinheiro para o pagamento via smartphones ou outros dispositivos móveis, com a empresa dinamarquesa de serviços de pagamento Nets A/S revelando que foi abordada por potenciais compradores. [nL1N1JV0QN]

As ações da Worldpay subiram quase 28 por cento na terça-feira, quando a maior empresa de pagamentos do Reino Unido disse que tinha recebido abordagens da Vantiv e do JPMorgan , que é o corretor corporativo da Worldpay.

O banco norte-americano disse que embora tenha mostrado interesse preliminar, não planeja fazer uma contraoferta.

Sob os termos revelados na quarta-feira, a Vantiv pagará 0,55 libra em dinheiro, 0,0672 de uma nova ação da Vantiv e um dividendo de 0,05 libra por ação da Worldpay, totalizando 3,85 libras por ação.

Embora o valor represente um prêmio de 18,9 por cento ante o preço de fechamento das ações da Worldpay na segunda-feira, ficou abaixo da cotação de 4,095 libras alcançada nesta quarta-feira antes do anúncio, que acontece apenas 20 meses após a Worldpay ter sido listada na bolsa de Londres, com valor de 4,8 bilhões de libras.

A ação da Worldpay fechou em queda de 8,8 por cento, a 3,71 libras, enquanto a Vantiv, que possui um valor de mercado de 12,3 bilhões de dólares, caiu 1,92 por cento, a 61,31 dólares por ação.

(Por Noor Zainab Hussain)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos