Microsoft oferece versão local de serviço de computação em nuvem

Salvador Rodriguez

Em Washington

A Microsoft lançou nesta segunda-feira um novo serviço que permite que os clientes usem tecnologia de computação em nuvem em seus próprios servidores, parte dos esforços da empresa para reorientar sua linha de produtos para competir de forma mais eficaz com os rivais Amazon.com e Google.

"Uma das principais diferenças que temos com o Azure versus os nossos dois maiores concorrentes no espaço da computação em nuvem é a nossa capacidade de sustentar soluções híbridas verdadeiras", disse à Reuters Judson Althoff, vice-presidente-executivo de negócios comerciais mundiais da Microsoft.

A Microsoft espera criar um nicho entre os clientes que não podem ou não querem mover todas as suas operações de computação para os centros de dados compartilhados operados pela empresa.

A Azure Stack pode atender empresas em indústrias altamente regulamentadas ou em partes do mundo onde o uso da tecnologia ainda não é viável, disse Althoff.

"Vimos muita demanda reprimida dos clientes finais, bem como de provedores de terceiros que estão ansiosos para implantar essa solução", disse o analista da Gartner, Ed Anderson. "Eu acredito que esta oferta proporcionará um impulso significativo para o negócio global em nuvem da Microsoft."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos