Braço do Banco Mundial e fundo da Alibaba investem em fintech de Hong Kong

HONG KONG (Reuters) - A startup CompareAsiaGroup, de Hong Kong, garantiu 50 milhões de dólares em recursos de investidores liderados pela unidade de crédito comercial do Banco Mundial, à medida que a plataforma de gerenciamento de finanças pessoais busca desenvolver sua tecnologia e lançar mais produtos.

A International Finance Corp (IFC), do braço do Banco Mundial, informou ter concordado em investir 15 milhões de dólares na empresa. Os outros investidores incluem o grupo japonês SBI Group e o Alibaba Entrepreneurs Fund, um fundo sem fins lucrativos lançado pelo gigante chinês de comércio eletrônico Alibaba Group.

Outros investidores da empresa, como a Goldman Sachs Investment Partners e a empresa de private equity Ace & Company, também participaram da rodada de investimentos, disse a startup sem especificar a contribuição de cada investidor.

A CompareAsiaGroup ajuda consumidores em Hong Kong, Indonésia e em cinco outros países na região da Ásia-Pacífico a compararem e comprarem produtos financeiros, como seguros, empréstimos e cartões de crédito.

A companhia planeja expandir suas ofertas no sudeste asiático e lançar mais amplamente produtos como comparações de serviços de banda larga e planos de telefonia móvel em sua plataforma, disse o presidente-executivo Sam Allen.

(Por Elzio Barreto)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos