Tesla amplia serviços automotivos antes de primeiras entregas do Model 3

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Tesla disse estar expandindo seus centros de serviços automotivos e adicionando 350 vans de serviços móveis, à medida que se prepara para dar suporte ao seu novo sedã Model 3, um carro voltado ao mercado de massas cuja expectativa é gerar um aumento de 500 por cento nas vendas da companhia de veículos elétricos.

Um executivo falando em nome da companhia disse à Reuters que a Tesla teria condições de triplicar sua capacidade de serviço global com aumentando a eficiência, inclusive nos serviços remotos. A empresa deve adicionar 100 centros de serviços ao total atual de mais de 150.

A Tesla está acrescentando 1.400 técnicos neste ano, e espera continuar expandindo sua capacidade de serviços em um ritmo semelhante nos próximos anos.

As expectativas para um lançamento suave são particularmente altas entre os investidores. A Tesla tem desafiado a Genenral Motors pelo título de maior montadora dos Estados Unidos por valor de mercado, mesmo que sua produção seja uma fração da GM.

A produção do Model 3 começou nos últimos dias e espera-se que atinja 20 mil unidades por mês em dezembro. As primeiras entregar são esperadas para 28 de julho.

A empresa registrou 373 mil reservas pelo novo modelo até abril de 2016, números mais recentes até o momento.

A Tesla disse que melhorou o tempo de serviços ao automatizar a burocracia, usando as conexões sem fio dos carros para diagnosticar problemas e para ampliar o suporte móvel. A empresa também implementou estações móveis em vans para corrigir o trinco do cinto de segurança e reduzir o procedimento para menos de 20 minutos.

(Por Marc Vartabedian)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos