Juiz nos EUA adia decisão sobre bloqueio de venda de unidade da Toshiba

(Reuters) - Um juiz norte-americano não chegou a uma decisão nesta sexta-feira sobre a tentativa da Western Digital de bloquear temporariamente a Toshiba de vender sua unidade de cartões de memória, em um acordo de 18 bilhões de dólares.

A Toshiba busca vender a unidade para cobrir perdas de sua divisão de reator nucleares.

A Western Digital, uma das licitantes, processou a Toshiba nos EUA em meados de junho, dizendo acreditar que ela precisava de seu consentimento para vender o negócio por conta de uma joint-venture existente entre as companhias.

O juiz Harold Kahn ouvi os argumentos de ambos os lados em uma audiência, mas não deu um veredito. Uma nova audiência foi marcada para 28 de julho.

(Por Stephen Nellis)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos