Receita do Alibaba deve subir até 48% neste ano fiscal, diz chairman

NAIRÓBI (Reuters) - A empresa de comércio eletrônico chinesa Alibaba espera crescimento entre 45 e 48 por cento em sua receita no ano fiscal iniciado em abril, à medida que mais pequenas empresas se juntam à sua comunidade online em busca de vendas, disse o presidente do conselho de administração, Jack Ma, nesta quinta-feira.

A receita do Alibaba foi de 22,99 bilhões dólares no ano fiscal encerrado em março.

"Ainda teremos um crescimento de 45 a 48 por cento (na receita deste ano), o dinheiro vem da solução de problemas para outros", disse Ma a centenas de executivos em sua primeira visita à África.

Ma, que fundou a empresa de comércio eletrônico baseada em Hangzhou, disse que consideraria investir no Quênia depois de se encontrar com jovens empresários e ficar impressionado com a infraestrutura de banda larga do país africano.

O executivo disse que consideraria as oportunidades de investimento que viu no país e acrescentou que as dezenas de empresários chineses que o acompanharam também ficaram interessados em desenvolver negócios no Quênia.

(Por Duncan Miriri)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos