Rede Marriott quer atrair viajantes chineses e fecha acordo com Alibaba

(Reuters) - O grupo hoteleiro Marriott Internacional disse nesta segunda-feira que vai firmar parceria com o chinês Alibaba Group Holding para aproveitar o crescente número de consumidores chineses que viajam para o exterior.

A maior rede de hotéis do mundo disse que a joint venture com o Alibaba vai permitir que os viajantes chineses façam reservas de quartos nos hotéis Marriott por meio do serviço de viagens do Alibaba, o Fliggy.

Os turistas poderão pagar pelas reservas usando a plataforma de pagamento online do Alibaba, a Alipay, disseram as empresas.

O acordo vai permitir que o Marriott, com base em Bethesda, Estados Unidos, aproveite a grande base de consumidores do Alibaba na China.

O Marriott possui as marcas hoteleiras JW Marriott, Ritz-Carlton, Renaissance e Autograph Collection, entre outras.

(Por Arunima Banerjee e Ankit Ajmera)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos