Pesquisadores apresentam protótipo para celular sem bateria

SEATTLE (Reuters) - Pesquisadores dos Estados Unidos apresentaram um protótipo de um telefone celular sem bateria, usando tecnologia que eles esperam que eventualmente venha a ser integrada no dia a dia dos consumidores.

O telefone é o trabalho de um grupo de pesquisadores da Universidade de Washington, em Seattle, e funciona coletando pequenas quantidades de energia a partir de sinais de rádio, conhecidos como radiofrequência ou ondas de RF.

"As ondas de RF ambiente estão ao nosso redor, então, por exemplo, sua estação FM transmite ondas de rádio, suas estações AM fazem isso, suas estações de TV, suas torres de celular. Todos estão transmitindo ondas de RF", disse o membro da equipe Vamsi Talla à Reuters.

O telefone é um primeiro protótipo e sua operação é básica --à primeira vista, parece pouco mais do que uma placa de circuito com algumas partes anexadas e o usuário deve usar fones de ouvido e pressionar um botão para alternar entre falar e ouvir.

Mas os pesquisadores dizem que há planos para desenvolver protótipos adicionais, com uma tela de baixa potência para mensagens de texto e até mesmo uma câmera básica. Eles também planejam uma versão do telefone sem bateria que usa uma minúscula célula solar para fornecer energia.

Os pesquisadores planejam lançar um produto em oito a nove meses, embora não tenham dado mais detalhes.

(Por Reuters TV)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos