Seis grandes bancos se juntam a projeto de liquidação de dinheiro digital via blockchain

ZURIQUE (Reuters) - Seis novos bancos se juntaram a um esforço liderado pelo UBS para criar um sistema de dinheiro digital que permita aos mercados financeiros fazer pagamentos e liquidar transações rapidamente por meio da tecnologia blockchain.

O grupo pretende lançar o sistema até o fim do próximo ano.

Barclays, Credit Suisse, Canadian Imperial Bank of Commerce, HSBC, MUFG e o State Street se juntaram ao grupo, que está desenvolvendo a "utility settlement coin" (USC), uma moeda digital equivalente a cada uma das principais moedas apoiadas por bancos centrais, disse o UBS nesta quinta-feira.

O grupo está em discussões com bancos centrais e reguladores e busca um "lançamento limitado" no fim de 2018, disse o chefe de investimentos estratégicos e inovação em fintech do UBS ao Financial Times.

O banco suíço lançou o conceito em setembro de 2015 com a empresa de blockchain londrina Clearmatics e mais tarde BNY Mellon, Deutsche Bank, Santander e corretora ICAP se juntaram ao projeto.

A USC seria conversível em paridade com um depósito bancário na moeda correspondente, tornando-a totalmente lastreada por ativos em dinheiro em bancos centrais. Gastar em USC seria a mesma coisa que gastar na moeda de referência.

A tecnologia blockchain funciona como um livro de contas compartilhado inviolável que pode processar e liquidar automaticamente transações usando algoritmos de computador, sem necessidade de verificação de terceiros.

Como não requer processamento manual, nem autenticação através de intermediários, a tecnologia pode fazer pagamentos mais rápido, mais confiáveis e fáceis de auditar.

(Por Brenna Hughes Neghaiwi)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos