Tribunal sul-coreano rejeita pedido da Qualcomm para suspender decisão de órgão antitruste

SEUL (Reuters) - Um tribunal sul-coreano rejeitou nesta segunda-feira o pedido da Qualcomm para suspender a ordem da agência antitruste do país para que adotasse medidas corretivas na maneira como licencia patentes.

Em dezembro, a Comissão de Comércio Justo da Coreia multou a Qualcomm em 1,03 trilhão de wons (912,34 milhões de dólares) pelo que chamou de práticas comerciais desleais em licenças de patentes e vendas de chips para modems.

O regulador também ordenou que a empresa norte-americana negociasse de boa fé com fabricantes de chips rivais o licenciamento de patentes e renegociasse acordos de fornecimento de chips com fabricantes de telefones celulares, se solicitado.

Caso a decisão se confirme, tais medidas afetariam as negociações da Qualcomm com as principais empresas de tecnologia, incluindo a Apple, a Intel, a Samsung Electronics e a Huawei Technologies.

O tribunal recusou o pedido de suspensão porque não acredita que a ordem do órgão regulador represente um risco de "dano irreparável" à Qualcomm, disse uma porta-voz à Reuters.

Uma porta-voz da unidade sul-coreana da Qualcomm não tinha nenhum comentário a fazer imediatamente.

(Por Hyunjoo Jin)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos