Partido comunista chinês se queixa sobre conta falsa no Twitter

PEQUIM (Reuters) - A ala jovem do Partido Comunista chinês apresentou queixa ao Twitter sobre uma conta falsa que tuitou comentários sarcásticos sobre o Partido Comunista.

A China bloqueia o Twitter e outros sites ocidentais, como o Facebook e o Google, mas isso não impediu que meios de comunicação estatais e departamentos governamentais criassem perfis no Twitter e no Facebook em chinês e inglês buscando expandir seu alcance global.

Num breve comunicado em seu perfil no Weibo, site chinês similar ao Twitter, a Liga da Juventude considerou a conta @ComYouthLeague, do Twitter, "completamente fabricada", dizendo que pediu que a empresa "lidasse" com ela nesta segunda-feira. A declaração não deu mais detalhes.

O Twitter não respondeu de imediato a pedidos de comentário.

Outra conta do Twitter que afirma ser a Liga da Juventude, @ccylchina, também foi lançada na semana passada, embora seu conteúdo esteja em conformidade com o ponto de vista do partido. Nenhuma das contas é oficialmente verificada pelo Twitter.

A Liga da Juventude não atendeu as chamadas telefônicas buscando comentários.

(Por Ben Blanchard e Pei Li)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos