Itália deve multar a Vivendi em menos de 300 mi euros devido a controle sobre Telecom Italia

ROMA (Reuters) - A Itália está pronta para sancionar a Vivendi por não ter notificado o governo sobre seu controle efetivo da Telecom Italia, com uma multa de menos de 300 milhões de euros (359 milhões de dólares), disse uma fonte próxima ao assunto nesta sexta-feira.

Autoridades do governo devem se reunir na segunda-feira para discutir se vão sancionar o grupo de mídia francês com o argumento de que falhou em suas obrigações legais e em informar o gabinete do primeiro-ministro que obteve o controle de fato sobre a Telecom Italia.

A fonte disse que o governo vai contestar a Vivendi por não notificá-lo, "mas a multa será inferior a 300 milhões de euros. Não se pode fazer as empresas sangrarem".

A fonte não deu um número específico.

Vivendi e Telecom Itália não quiseram comentar.

A Vivendi, que é a maior acionista da com uma participação acionária de 24 por cento na empresa italiana, negou repetidamente ter o controle do maior grupo de telefonia da Itália.

(Por Alberto Sisto)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos