Linx adquire ShopBack por até R$56,5 mi

SÃO PAULO (Reuters) - A companhia de sistemas de tecnologia para varejo Linx anunciou nesta quarta-feira a compra da ShopBack, empresa de softwares voltados à conversão de compras.

Em comunicado, a Linx pagará 39 milhões de reais à vista pela ShopBack e adicionais 17,56 milhões caso sejam atingidas metas financeiras e operacionais entre 2017 e 2019.

Fundada em 2015, a ShopBack atua na retenção, reengajamento e recaptura de usuários que deixam sites sem fazer compras. A empresa tem 800 clientes e cerca de 85 por cento do tráfego do varejo online brasileiro passa por soluções da companhia.

"A aquisição está alinhada com os objetivos estratégicos de aquisições de tecnologias para o varejo, especialmente as que ajudem clientes a melhorar a experiência de compra dos consumidores", disse o presidente da Linx, Alberto Menache.

Desde 2008, a Linx tem crescido por meio de aquisições, tendo comprado 23 empresas. Recentemente, a companhia anunciou uma reestruturação, com a criação de uma nova vice-presidência com foco na expansão para novos mercados comandada pelo ex-diretor financeiro Dennis Herszkowicz.

(Por Natália Scalzaretto)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos