Anatel decide manter esquema de acompanhamento especial da Oi

SÃO PAULO (Reuters) - A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) decidiu nesta terça-feira manter regime especial de acompanhamento financeiro da operadora em recuperação judicial Oi, em meio a esforços do governo federal para ajudar a empresa a chegar a um plano de reestruturação que seja aceito por credores.

Após reunião à qual a imprensa não teve acesso, a Anatel emitiu comunicado sem dar detalhes sobre a situação financeira da companhia, que deve mais de 10 bilhões de reais à agência e que, desde que pediu recuperação judicial em junho do ano passado, até hoje não conseguiu acordo com credores.

"À agência cabe analisar a viabilidade e a robustez do plano que vier a ser submetido à assembleia de credores e, a partir das conclusões dessa análise, tomar as medidas que julgar necessárias para assegurar a continuidade da prestação dos serviços essenciais ao sistema de telecomunicações", afirmou a Anatel no comunicado.

Também na reunião, a agência informou que não considera necessário contratar nova empresa de consultoria para apoiar a Anatel no acompanhamento econômico da Oi.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos