GM implementa ferramenta de comércio eletrônico em painel de carros

Por Joseph White

DETROIT (Reuters) - A General Motors afirmou nesta terça-feira que vai equipar carros mais novos com tecnologia de comércio eletrônico no painel, numa aposta de que pode lucrar dando a oportunidade aos motoristas de pedir comida, procurar combustível ou reservar quartos de hotel tocando ícones na tela do painel, em vez de usar celulares enquanto dirigirem.

A tecnologia, desenvolvida em parceria com a International Business Machines, será baixada automaticamente para cerca de 1,9 milhão de modelos de 2017 e próximos, com cerca de 4 milhões de veículos nos Estados Unidos das marcas Chevrolet, Buick, GMC e Cadillac equipados com a ferramenta até o final de 2018, disse a montadora.

A GM receberá receita não divulgada de comerciantes destacados em seu Marketplace no painel, segundo Santiago Chamorro, vice-presidente de GM para a experiência global do cliente conectado. Os clientes não serão cobrados por usar o serviço ou os dados transmitidos ao fazer transações.

"Esta plataforma é financiada pelos comerciantes", disse Chamorro a jornalistas. Segundo Chamorro, é muito cedo para dizer quanta receita a GM poderá perceber com o sistema.

A ferramenta da GM competirá por cliques e receitas de clientes com celulares, que oferecem uma gama de aplicativos. A Amazon.com está firmando parcerias com outras montadoras, incluindo a Ford Motor, para oferecer uma ferramenta de comércio eletrônico em veículos por meio do sistema de assistente pessoal Alexa da Amazon.

(Por Joseph White)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos