Lyft inicia serviço no Canadá em 1ª expansão internacional

TORONTO (Reuters) - A Lyft anunciou nesta terça-feira o lançamento de seu serviço em Toronto, no Canadá, marcando a primeira vez em que a empresa assumiu sua batalha contra a Uber Technologies fora dos Estados Unidos.

A Lyft se apresenta como uma versão mais amigável da Uber, que enfrenta investigações de governos em todo o mundo, inclusive no Canadá, sobre a ocultação de uma enorme violação de dados da empresa ocorrida em 2016.

Tim Houghton, diretor da Lyft em Toronto, disse que mais de 50 mil pessoas na cidade, a maior do Canadá, baixaram o aplicativo este ano, mas não disse quantos motoristas se inscreveram além de informar que o número estava acima de 100.

O Uber disse que tem 32 mil motoristas em Toronto que fizeram pelo menos quatro viagens no último mês.

A Lyft pagará aos motoristas de Toronto entre 75 e 80 por cento da tarifa cobrada dos passageiros, comparável ao que o Uber paga, disse Houghton.

(Por Alastair Sharp)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos