Um terço dos motoristas do Uber no Reino Unido permanece logado no aplicativo por mais de 40 horas

LONDRES (Reuters) - Cerca de um terço dos 50 mil motoristas do Uber no Reino Unido estão logado no aplicativo por mais de 40 horas por semana, enquanto pouco menos de 8 por cento estão online por mais de 60 horas, informou a empresa em uma carta aos parlamentares publicada nesta quarta-feira.

O aplicativo foi atacado por sindicatos e legisladores que dizem que alguns de seus motoristas estão trabalhando excessivamente, uma das muitas críticas que a empresa enfrentou sobre seu modelo de negócios.

Um total de 2,6 por cento dos motoristas são registrados por mais de 70 horas por semana e 0,8 por cento por mais de 80 horas, de acordo com a empresa.

Mas o chefe de políticas públicas do Uber no Reino Unido e na Irlanda, Andrew Byrne, disse que a duração da sessão não era o mesmo que o número de horas em viagem.

"Os indivíduos podem ativar e desativar o aplicativo a qualquer momento, bem como decidir quando aceitar corridas - isso significa que uma hora registrada no aplicativo Uber não é o mesmo que uma hora de trabalho", disse ele em uma carta respondendo a perguntas do comitê de energia e estratégia industrial do parlamento britânico.

Byrne disse que o aplicativo estava planejando apresentar uma ferramenta que limitará as horas de condução em janeiro e poderá escrever novamente para os legisladores.

A presidente do comitê disse querer que o Uber forneça detalhes dos planos no início do ano que vem.

(Por Costas Pitas)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos