Amazon e Google reduzem preços de alto-falantes inteligentes e acirram concorrência, dizem analistas

Por Stephen Nellis e Paresh Dave

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Amazon.com e o Google, da holding Alphabet, deram tantos descontos nos preços de seus alto-falantes inteligentes, acionados por voz, na temporada de compras de fim de ano que provavelmente perderam alguns dólares por unidade, em estratégia bem diferente da adotada pela Apple, que prepara o seu assistente HomePod, disseram analistas.

Ambas as companhias reduziram os preços da versão menor de seus dispostivos, o Amazon Echo Dot e o Google Home Mini, para 29 dólares, ante 50 dólares, na temporada de compras.

As versões intermediárias custam um pouco mais que o dobro.

A Apple não conseguiu colocar à venda seu alto-falante HomePod por 349 dólares em 2017, conforme planejava, e disse que o dispositivo chegará ao mercado no começo de 2018.

A Apple planeja lucrar com o dispositivo e aumentar as vendas da assinatura do Apple Music por 9,99 dólares por mês, segundo analistas. O Siri, assistente de voz da Apple, provavelmente se concentrará em sugerir novas músicas.

Amazon e Google, enquanto isso, estão ansiosos em dar aos consumidores uma prova de seus respectivos assistentes digitais, o Alexa e o Google Assistant, a preços de compra por impulso, esperando conquistar clientes e lucrar mais tarde com as vendas de bens e dados sobre hábitos de compra.

O Home Mini e o Echo Dot não têm qualidade de som equivalente ao HomePod, mas os consumidores podem ver menos necessidade em ter um alto-falante superior e mais caro da Apple, se tiverem outras opções. Mesmo a versão intemediária da Amazon e do Google tiveram os preços reduzidos a 79 dólares durante as festas de fim de ano.

"Esse tipo de preço é ótimo para os consumidores e ruim para Apple", disse Paul Erickson, analista sênior da IHS Markit.

Alguns consumidores podem considerar um alto-falante de 30 dólares barato o suficiente para jogá-lo fora e não uma barreira para adquirir o dispositivo da Apple quando chegar.

A Amazon se recusou a comentar sobre os aparelhos Echo, mas disse em comunicado que vendeu milhões do seu Echo Dot durante a temporada de festas, tornando-o o produto o campeão de vendas no período em sua loja online.

O Google não divulgou números de vendas para o Home Mini, mas a porta-voz da Google Home, Nicol Addison, disse que a empresa está muito feliz com o desempenho. O Google disponibilizou os dispostivos para os compradores do seu novo smathphone Pixel 2 e os ofereceu por 29 dólares nas lojas do Wal-Mart, Target e Best Buy.

A Amazon domina o mercado emergente para alto falantes inteligentes fora da China, seguida de perto pelo Google. As vendas dos aparelhos não são suficientes substancialmente para afetar os resultados financeiros das companhias.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos