Jimmy Iovine vai deixar a Apple Music em agosto, diz Billboard

(Reuters) - O magnata da música Jimmy Iovine supostamente irá deixar o serviço de streaming de música da Apple em agosto, relatou na quinta-feira a revista Billboard, citando diversas fontes não identificadas e o site da indústria musical Hits Daily Double.

Iovine é mais conhecido por ser cofundador da Interscope Records, uma pioneira gravadora de rap que se ramificou para incluir artistas como Lady Gaga e U2.

    A saída de Iovine é provavelmente ligada às suas ações que tem da Apple, de acordo com a reportagem da Billboard, que seguiu um relato inicial da seção "moinho de rumores" do Hits Daily Double.

    O ex-CEO da Interscope se juntou à Apple em 2014 após a fabricante do iPhone comprar a Beats Electronics, companhia de áudio cofundada pelo influente produtor de hip-hop Dr. Dre e Iovine, por 3 bilhões de dólares.

    A Apple se negou a comentar.

    A companhia informou à Billboard em setembro que possuía 30 milhões de assinantes no Apple Music.

    (Reportagem de Sonam Rai)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos