VW busca orientação para design de carro elétrico em produtos da Apple

Por Andreas Cremer

BERLIM (Reuters) - A Volkswagen está observando produtos da Apple ao criar sua nova geração de carros elétricos, dentro de um plano para lucrar com quando lançar os produtos em 2020.

A mudança estética trazida pelo iPhone e pelo iPad fez a Apple se distanciar de rivais como Samsung e Sony e a ajudou a se tornar a empresa mais valiosa do mundo.

Para a maior fabricante de automóveis da Europa, a adoção da simplicidade como princípio para o futuro estilo dos veículos elétricos marca o fim da era anterior ao escândalo de emissões "dieselgate" 2015, quando o design dos veículos transmitia as proezas de engenharia e as ambições tecnológicas da Volkswagen.

"Estamos atualmente redefinindo os valores da Volkswagen para a era da eletrificação", disse Klaus Bischoff, chefe do design da marca VW, em entrevista. "O que está em jogo é ser tão significativo, puro e claro quanto possível e também visualizar uma arquitetura completamente nova."

Com reguladores cada vez mais rigorosos com níveis de emissões, o dieselgate também ativou a custosa mudança para veículos elétricos, que é necessária para competir na China, o maior mercado da VW, e para evitar futuras multas na Europa.

    Antes atrasada no segmento, a VW anunciou investimentos de 34 bilhões de euros em tecnologia de carros elétricos, de automóveis com direção autônoma e em mobilidade digital em todo o grupo até 2022.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos