Zara espera atrair clientes com displays de realidade aumentada

Por Sonya Dowsett

CORUNHA, Espanha (Reuters) - A Zara, rede de varejo de moda da espanhola Inditex e maior varejista de roupas do mundo, apresentará displays de realidade aumentada a partir de abril, em um esforço para atrair clientes da geração "millennials" para suas lojas, afirmou a marca nesta terça-feira.

Os varejistas de roupas estão tendo que investir em mostruários mais chamativos de produtos e conteúdos específicos nas lojas para atrair clientes na faixa de 20 a 30 anos, cujo crescente consumo em lojas online como a Amazon, pressionou o setor de varejo físico nos últimos anos.

Essa última aposta tecnológica da Zara mostra modelos que usam looks selecionados quando um celular é colocado em um sensor dentro das lojas selecionadas, deixando a opção dos clientes fazerem compras apenas clicando.

A Inditex, que é conhecida por levar as últimas tendências de moda das passarelas para as lojas em questão de dias, resistiu bastante aos ataques dos concorrentes online, dizem analistas.

"Atualmente, é muito raro encontrar empresas da indústria varejista que não são perturbadas pelo setor online", disse Anne Critchlow, do Société Générale, em uma nota recente a clientes.

A concorrente H&M também está investindo em tecnologia para aumentar o engajamento de clientes.

Os displays de realidade aumentada de Zara serão introduzidos em 120 lojas em todo o mundo a partir de 18 de abril, disse a Inditex.

A tecnologia também permitirá que as modelos apareçam em pacotes de compras online entregues aos clientes, mostrando looks alternativos.

(Por Sonya Dowsett)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos