Nokia está perto de um acordo para vender seu negócio de saúde digital

HELSINQUE (Reuters) - A Nokia informou que planeja vender seu pequeno negócio de saúde digital, incluindo rastreadores de atividades e smartwatches, para um dos fundadores do empreendimento.

A saúde digital era uma das áreas com as quais a Nokia contava para futuras oportunidades de crescimento em meio a um mercado difícil para seu principal negócio de equipamentos para redes de telecomunicações. Mas o empreendimento não conseguiu atender às expectativas de crescimento, mostrou um memorando interno em fevereiro, depois que a Nokia iniciou uma revisão estratégica do negócio.

Na quarta-feira, a empresa finlandesa disse que entrou em negociações exclusivas com Eric Carreel, cofundador e ex-presidente do negócio de saúde digital, a Withings, uma empresa francesa que a Nokia comprou em 2016 em sua primeira incursão no mercado.

O acordo que deve ser fechado no final do segundo trimestre de 2018, disse a Nokia em um comunicado, sem indicar o preço de venda.

A Nokia pagou 170 milhões de euros (204 milhões de dólares) pela Withings, mas no ano passado fez uma baixa contábil de 141 milhões de euros do ágio.

As vendas totais da Nokia caíram 3 por cento no ano passado, para cerca de 23 bilhões de euros.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos