Casa Branca realizará reunião sobre inteligência artificial com grandes empresas

David Shepardson

Da Reuters, em Washington

  • Getty Images/iStockphoto

A Casa Branca pretende convocar uma reunião na quinta-feira (10) sobre o futuro da inteligência artificial na indústria dos Estados Unidos com grandes empresas, incluindo Facebook, Amazon.com, a Alphabet, controladora do Google, e Oracle, bem como altos funcionários do governo.

O presidente executivo da Intel, Brian Krzanich, e os diretores técnicos da Ford Motor e da Boeing também devem participar do evento, junto com executivos da Mastercard, Microsoft e Accenture, disseram funcionários do governo e da indústria.

VEJA TAMBÉM:

O Pentágono e os departamentos de Agricultura, Comércio, Energia, Saúde, Trabalho e Transporte dos EUA devem participar do encontro que analisará a inovação e a pesquisa e o desenvolvimento da inteligência artificial (IA) e removerá as barreiras à sua aplicação.

Espera-se que a inteligência artificial e o aprendizado de máquinas, com suas crescentes capacidades e aplicações, tenha implicações de longo alcance para uma série de indústrias e para a economia dos EUA, de acordo com especialistas.

Dean Garfield, presidente do Conselho da Indústria de Tecnologia da Informação, chamou o evento de "um passo importante para a construção da colaboração entre o governo e a indústria".

"O setor de tecnologia está comprometido em garantir que todos os norte-americanos colham os benefícios dessa tecnologia transformadora, que tem o potencial de salvar vidas, melhorar a forma como colhemos alimentos, transformar a educação e muito mais", disse Garfield.

O Reino Unido anunciou no mês passado um investimento conjunto de 1 bilhão de libras (1,4 bilhão de dólares) na indústria de inteligência artificial, enquanto a União Europeia anunciou que aumentaria o investimento em IA em cerca de 70 por cento para 1,5 bilhão de euros (1,8 bilhão de dólares) até 2020.

A empresa de serviços profissionais PwC previu no ano passado que o produto interno bruto agregado mundial será 14 por cento mais alto em 2030 como resultado da IA --e afetará o setor de varejo, serviços financeiros e saúde.

Cidadã e atração de TV, Sophia é a robô mais popular da atualidade

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos