Comcast deve receber aprovação incondicional da UE para oferta pela Sky, dizem fontes

Por Foo Yun Chee

BRUXELAS(Reuters) - A empresa norte-americana de TV a cabo Comcast deve receber aval incondicional de órgãos antitruste da União Europeia para comprar a operadora de TV paga Sky, disseram duas pessoas a par do assunto nesta sexta-feira.

A maior empresa de entretenimento do mundo está disputando a Sky com a Twenty-First Century Fox, de Rupert Murdoch. A análise da oferta do magnata da mídia para comprar toda a Sky tem sido atrasada por políticos e reguladores preocupados com o poder do grupo de mídia.

A Comissão Europeia, que deve decidir sobre a oferta da Comcast até 15 de junho, não respondeu a um pedido de comentário por e-mail. O órgão deu aval sem condições para a oferta da Fox pela Sky em abril do ano passado.

Comcast se recusou a comentar.

No começo da semana, a Grã-Bretanha deu sinal verde para a oferta da Fox por toda a Sky, sob a condição de que ela venda seus negócios de TV. A Fox hoje possui 39 por cento da Sky, que tem operações na Alemanha, Áustria, Itália e Grã-Bretanha.

Os 23 milhões de clientes da Sky são um trunfo para qualquer grupo de mídia buscando competir em melhores condições com os grupos online Netflix e Amazon.

Murdoch já concordou em vender muitos de seus ativos de TV e filmes, incluindo a Sky, para a Walt Disney, em um acordo separado de 52 bilhões de dólares.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos