GM não tem projetos com a Lyft em andamento, diz presidente

Por Nick Carey

DETROIT (Reuters) - A presidente-executiva da General Motors, Mary Barra, disse nesta terça-feira que a montadora atualmente não tem projetos em andamento com a empresa de transporte urbano por aplicativo Lyft, na qual possui uma participação de 9 por cento.

A Ford disse no ano passado que vai colaborar com a Lyft para implantar um grande número de veículos autônomos da montadora na rede da Lyft até 2021.

Falando a repórteres antes da reunião anual de acionistas da GM no centro de Detroit, Barra disse que pode levar vários anos para que o investimento do SoftBank Group na unidade de veículos autônomos da GM, Cruise, traga frutos.

O Softbank anunciou no mês passado que investirá 2,25 bilhões de dólares na Cruise, um dos maiores e mais importantes investimentos até hoje em tecnologia de direção autônoma.

Quando questionado sobre o impacto das tarifas impostas pelo governo dos Estados Unidos sobre as importações de aço e alumínio e os esforços em curso para renegociar o Acordo de Livre Comércio da América do Norte (Nafta), Barra disse que a questão era "excepcionalmente complexa".

"Precisamos deixar as negociações continuarem e serem concluídas", disse ela.

Mas Barra acrescentou que "a incerteza continuada (sobre o comércio) acabará tendo um impacto".

(Por Nick Carey)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos