Telecom Italia acerta medidas com sindicatos com economia equivalente a 4.500 demissões, diz fonte

ROMA (Reuters) - Um acordo assinado pela Telecom Italia com sindicatos na noite de segunda-feira vai gerar uma economia equivalente a 4.500 demissões por meio das chamadas medidas "solidárias", disse nesta terça-feira uma fonte familiarizada com o assunto.

Medidas de solidariedade normalmente implicam redução nas horas de trabalho dos funcionários com diminuição salarial equivalente.

A fonte disse que as medidas acordadas afetariam 30 mil funcionários da Telecom Italia por 12 meses.

Apresentando o novo plano de negócios da Telecom Italia em maio, o presidente-executivo, Amos Genish, disse a sindicatos que a empresa de telefonia precisava cortar cerca de 5 mil vagas e faria isso por meio de antecipação de aposentadorias.

(Por Alberto Sisto)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos